Nome da Disciplina
ANTROPOLOGIA DO CONSUMO
CÓDIGO
1670044
Carga Horária
68 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Modalidade
CRÉDITOS
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%

Ementa

Estudo de teorias e abordagens pertinentes à prática da investigação
antropológica dos fenômenos sócioculturais relacionados ao consumo

Objetivos

Objetivo Geral:

Oportunizar uma introdução a perspectivas teórico-metodológicas de análise
de sistemas simbólicos.

 

Objetivos Específicos:

Subsidiar projetos, análises e reflexões pertinentes a temas associados ao
consumo.

Conteúdo Programático

1. O consumo nas Ciências Sociais contemporâneas
2. Sociedade de Consumo
3. Os usos dos bens: cultura, consumo e identidade
4. Globalização e consumo
4.1. Politização e ambientalização do consumo
4.2. Juventude e consumo
4.3. Consumo étnico
5. Um olhar antropológico sobre a publicidade
6. A vida social das coisas

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • APPADURAI, Arjun. A vida social das coisas: as mercadorias sob uma perspectiva cultural. Rio de Janeiro: Eduff, 2008.
  • BARBOSA, Livia. Sociedade de consumo. Rio de Janeiro: Zahar, 2004.
  • BARBOSA, Livia; CAMPBELL, Colin (Org.). Cultura, consumo e identidade. Rio de Janeiro: Editora da FGV, 2006.
  • BOURDIEU, Pierre. A distinção: crítica social do julgamento. São Paulo: Edusp, 2007.
  • CANCLINI, Néstor García. Consumidores e cidadãos: conflitos multiculturais da globalização. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ, 1997.
  • DOUGLAS, Mary; ISHERWOOD, Baron. O mundo dos bens: para uma antropologia do consumo. Rio de Janeiro: Ed. UFRJ, 2004.
  • LEITÃO, Débora et al. (Org.). Antropologia e Consumo. Diálogos entre Brasil e Argentina. Porto Alegre: AGE, 2006.
  • LIMA, Diana Nogueira de Oliveira. Consumo: uma perspectiva antropológica. Petrópolis: Vozes, 2010.
  • MILLER, Daniel. Teoria das compras: o que orienta as escolhas dos consumidores. São Paulo: Ed. Nobel, 2002.
  • PORTILHO, Fátima. Sustentabilidade ambiental, consumo e cidadania. São Paulo: Cortez, 2010.
  • ROCHA, Everardo. Magia e capitalismo: um estudo antropológico da publicidade. São Paulo: Brasiliense, 1995.
  • ROCHA, Everardo. Representações do consumo: estudos sobre a narrativa publicitária. Rio de Janeiro: Mauad, 2006.
  • ROCHA, Everardo; PEREIRA, Cláudia. Juventude e consumo: um estudo sobre comunicação na cultura contemporânea. Rio de Janeiro: Mauad, 2009.
  • SANSONE, Livio. Negritude sem etnicidade: o local e o global nas relações raciais e na produção cultural negra do Brasil. Salvador: Edufba, 2004.

Bibliografia Complementar:

  • BARBOSA, Livia; PORTILHO, Fátima; VELOSO, Letícia. Consumo: cosmologias e sociabilidades. Rio de Janeiro: Mauad, 2009.
  • BAUDRILLARD, Jean. O sistema dos objetos. São Paulo: Perspectiva, 1981.
  • BAUMAN, Zygmunt. Vida para consumo: a transformação das pessoas em mercadoria. Rio de Janeiro: Zahar, 2008.
  • CAMPBELL, Colin. A ética romântica e o espírito do consumismo moderno. Rio de Janeiro: Rocco, 2001.
  • CANCLINI, Néstor García. Culturas híbridas. São Paulo: Edusp, 2006.
  • DE CERTEAU, Michel; GIARD, Luce; MAYOL, Pierre. A invenção do cotidiano: 2. Morar, cozinhar. Petrópolis: Vozes, 2009.
  • FEATHERSTONE, Mike. Cultura de consumo e pós-modernismo. São Paulo: Studio Nobel, 2007.
  • SAHLINS, Marshall. Cultura e razão prática. Rio de Janeiro: Zahar, 1979.

Página dinâmica gerada em 0.053437s.