Nome da Disciplina
SENSORIAMENTO REMOTO - B
CÓDIGO
0060343
Carga Horária
34 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
2
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
1
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
1
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
2
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%

Ementa

Introdução. Histórico. Conceitos e elementos de fotogrametria. Recobrimento aerofotogramétrico. Plano de vôo. Restituição. Mosaicos. Fundamentos físicos do Sensoriamento Remoto. Critérios de fotointerpretação. Interpretação de imagens. Sistemas de Sensoriamento Remoto Orbital. Amostragem em fotografias aéreas. Custos em fotointerpretação.

Objetivos

Objetivo Geral:

Possibilitar ao acadêmico o acesso ao conhecimento e a aplicação dos recursos tecnológicos na área do conhecimento, a partir dos elementos de sensoriamento remoto, podendo, desta forma, aprofundar e direcionar trabalhos e projetos de pesquisa que visem o planejamento adequado do espaço local e regional.
Mostrar aos acadêmicos a importância e a necessidade de se conhecer as tecnologias do sensoriamento remoto, as quais auxiliam no planejamento do território de forma precisa e confiável;
Apresentar ao acadêmico, os principais conceitos e técnicas empregadas na elaboração de projetos e atividades dependentes de informações com expressão local e regional;
Apresentar alguns exemplos de aplicabilidade do geoprocessamento e do sensoriamento remoto com relação aos estudos ligados a ambientes florestais e de uso da terra.
Realizar estudos de caso com o auxílio das técnicas do sensoriamento remoto.

 

Objetivos Específicos:

Possibilitar ao acadêmico o acesso ao conhecimento e a aplicação dos recursos tecnológicos na área do conhecimento, a partir dos elementos de sensoriamento remoto, podendo, desta forma, aprofundar e direcionar trabalhos e projetos de pesquisa que visem o planejamento adequado do espaço local e regional.
Mostrar aos acadêmicos a importância e a necessidade de se conhecer as tecnologias do sensoriamento remoto, as quais auxiliam no planejamento do território de forma precisa e confiável;
Apresentar ao acadêmico, os principais conceitos e técnicas empregadas na elaboração de projetos e atividades dependentes de informações com expressão local e regional;
Apresentar alguns exemplos de aplicabilidade do geoprocessamento e do sensoriamento remoto com relação aos estudos ligados a ambientes florestais e de uso da terra.
Realizar estudos de caso com o auxílio das técnicas do sensoriamento remoto.

Conteúdo Programático

1. Introdução, histórico e conceituação do sensoriamento remoto

2. Sistemas sensores
Sensores imageadores e não-imageadores
Sistemas fotográficos

3. Divisão da fotogrametria
Fotogrametria orbital,sub-orbital, terrestre e aérea

4. Recobrimento aerofotogramétrico
Mosaicos
Sistemas sub-orbitais
Estereoscopia e fotointerpretação
Métodos de percepção estereoscópica em fotografias aéreas
Marcas fiduciais, ponto principal e retângulo útil
Escalas dos aerofotogramas
Elementos de interpretação de imagens

5. Sistemas orbitais
Satélites artificiais – Landsat, CBERS, Ikonos
Seleção de imagens de satélites para estudos ambientais Custos de aquisição dos produtos derivados dos sistemas orbitais e sub-orbitais.
SIG-SPRING

6. Sensoriamento remoto, geoprocessamento e o planejamento territorial.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • BLASCHKE, T. E KUX, H. Sensoriamento Remoto e SIG Avançados Novos Sistemas Sensores, Métodos Inovadores. São Paulo, Oficina de textos.
  • FLORENZANO, T. Imagens de satélite para estudos ambientais. São Paulo, Oficina de textos, 2002.
  • MOREIRA, M. A. Fundamentos do Sensoriamento Remoto e Metodologias de Aplicação. São Paulo: UFV, 3ª ed., 2005.
  • NOVO, E. M. Sensoriamento Remoto. Princípios e Aplicações. São Paulo: Edgard Blücher Ltda, 3ª ed. 2008.
  • ROSA, R. Introdução ao Sensoriamento Remoto. Uberlândia: EDUFU, 6ª edição, 2007.

Bibliografia Complementar:

  • ASSAD, E. D. & SANO, E. E. Sistema de Informações Geográficas. Aplicações na Agricultura. 2ª ed. Brasília: EMBRAPA, 1998
  • CHRISTOFOLETTI, A. Modelagem de Sistemas Ambientais. São Paulo: Edgard Blücher, 1999.
  • CROSTA, A.P. Processamento Digital de Imagens de Sensoriamento Remoto. Campinas: UNICAMP, 1992.
  • INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Manual Técnico de Uso da Terra. Rio de Janeiro: n° 7, Departamento de Recursos naturais e Estudos Ambientais, Primeira Divisão de Geociências do Nordeste, 1999.
  • MATTEUCCI, S. D. & BUZAI, G. D. Sistemas Ambientales Complejos: Herrameientas de Análisis Espacial. Buenos Aires: Ed. Eudeba, 1998.
  • SILVA; J. X. da. E ZAIDAN, R. T. Geoprocessamento e Análise Ambiental. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2004.

Página gerada em 10/12/2019 14:43:50 (consulta levou 0.084865s)