Nome da Disciplina
ATELIÊ DE CERÂMICA I
CÓDIGO
0110223
Carga Horária
68 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Modalidade
CRÉDITOS
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
1
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
3
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Origem e desenvolvimento histórico da cerâmica. Vocabulário cerâmico e informações técnicas. Técnicas de construção. O forno cerâmico. Moldes e fundição de peças. Tratamento da superfície das peças. Secagem e queima.

Objetivos

Objetivo Geral:

Proporcionar o desenvolvimento critico/criativo no espaço tridimensional, através de procedimentos cerâmicos.
Através do estudo de textos teóricos e trabalhos práticos levar o aluno ao conhecimento e entendimento do processo cerâmico.
Conhecer a natureza e preparação do barro e a terminologia da cerâmica.
Desenvolver métodos básicos de conformação. Instruir o aluno sobre o equipamento do forno e as etapas da queima.

Conteúdo Programático

1. Informações sobre a argila: a natureza do barro; terminologias da cerâmica;
2. Preparação da argila: mesclas e adequação do barro; preparação de pastas cerâmicas; métodos de amassado e sova da argila; textura e consistência da matéria prima;
3. Origem histórica da cerâmica;
4. Métodos de conformação: técnica de rolos, tiras, placas, uso de moldes e combinações das técnicas citadas;
5. Considerações comuns a todos os métodos de conformação: união das partes, características das juntas (tope e sobreposição); Consistência adequada da argila para unir;
6. Secagem das peças cruas: causas que provocam deformações e rachaduras; métodos empregados para secagem das peças cruas e semi-secas;
7. Decoração e tratamento da superfície da argila: texturas, relevos, marcas, estampas, gravações e incisões;
8. Fornos: classificação dos fornos quanto a temperatura;
9. Queimas: etapas da queima;

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • CHITI. J. Fernandez. Curso Práctico de Cerâmica. Tomo I,II,III e IV. Buenos Aires: Ediciones Condorhuasi, 1989.
  • CHITI. J. Fernandez. Dicionário Cerâmico. Tomos I, II e III. Buenos Aires Ediciones Condorhuasi, 1989.
  • CHITI. J. Fernandez. Diagnóstico de Materiais Cerâmicos. Buenos Aires: Ed.Condorhuasi, 1989.
  • CHITI. J. Fernandez. História de la Cerâmica. Buenos Ai res : Ediciones Condorhuasi, 1989.
  • CHRISTY, G. PEARCH, S. Escuela de Arte Paso a Paso, Cerámicas. Barcelona: Blume, 1993.
  • FRIGOLA, M. Cerâmica Artística. Barcelona: Editora Estampa, 2006.
  • HAMILTON. David. Gres y Porcelana. Barcelona: Ediciones CEAC. 1985.
  • MIDGLEY. Barry, Guia Completa de Escultura, Modelado y Cerâmica. Técnicas y Materiales. Barcelona: Hermann Blume, 1982.
  • PETERSON, Susan. Trabajar el Barro. Barcelona: Blume, 2003.

Bibliografia Complementar:

  • BELLUZZO. Ana Maria. Carmela Gross. São Paulo: Cosac & Naify Edições, 2000.
  • CLIFFORD, Paul. Art of the Andes. Washington: The Arthur M. Sackler Fundation, 1983.
  • MAMMI. Lorenzo. Carlito Carvalhosa. São Paulo: Cosac & Naify Edições, 2000.
  • MCCULLY, Marilyn. Picasso Painter and Sculptor in Clay. London: H.N. Abrams Publishers, 1998.
  • SIMÕES. Mário F. Cerâmica Karajá. Goiás: UCG, 1992.
  • SOUSTELLE. Jaques. Los Mayas. México:Fondo de Cultura Econômica, s/d.

Página dinâmica gerada em 2.886385s.