Nome do Projeto
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE PARA CONTROLE DE BANCAS EXAMINADORAS DE DEFESAS NO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
17/08/2015 - 11/12/2015
Unidade de Origem
Área CNPq
Engenharias - Engenharia de Produção
Resumo
O atual projeto pedagógico do curso de Engenharia de Produção conta com disciplinas que necessitam de Banca Examinadora de Defesa para atribuição de nota. Geralmente a formação de Banca Examinadora de Defesa ocorre em disciplinas práticas que requerem produção textual (monografia, relatório, projeto, etc.). No caso do Curso de Engenharia de Produção da UFPEL tais disciplinas se classificam em “Projetos Integradores”, “Trabalhos de Conclusão de Curso” e “Estágios Curriculares”. A banca examinadora é responsável pela verificação da qualidade do trabalho desenvolvido através de crítica salutar e construtiva. Assim, os alunos devem submeter seus trabalhos práticos a avaliação de Banca Examinadora de Defesa, sem a qual, não é possível atribuir nota à disciplina. Este projeto tem como objetivo o desenvolvimento de um software de registre e controle as bancas no curso de Engenharia de Produção.

Objetivo Geral

“DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE PARA CONTROLE DE BANCAS EXAMINADORAS DE DEFESAS NO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO”

Justificativa

Atualmente, o Curso de Engenharia de Produção conta com aproximadamente 500 alunos de graduação devidamente matriculados. Estima-se que o número de alunos passará de 650 nos próximos anos, considerando que trata-se de um curso novo na universidade, tendo recém formado sua primeira turma em 2014/2. Também é de conhecimento que o projeto pedagógico do Curso de Engenharia de Produção contempla cinco disciplinas que exigem formação de Banca Examinadora de Defesa, sendo elas: Projeto Integrador I, Projeto Integrador II, Estágio Curricular, Trabalho de Conclusão de Curso I e Trabalho de Conclusão de Curso II. De acordo com as normas, as bancas examinadoras devem ser formadas por três professores avaliadores. Atualmente, as cinco disciplinas somadas têm aproximadamente 70 alunos matriculados, exigindo de 210 horas de trabalho dos professores do curso. Sabe-se ainda que ingressam 55 alunos por ano no curso de Engenharia de Produção, assim espera-se que o número de bancas examinadoras se eleve gradativamente nos próximos anos. Considerando a quantidade de alunos que estão alcançando os últimos semestres do curso, acredita-se que até 2017/2 o curso de Engenharia de Produção realizará mais de 150 bancas anuais (75 por semestre). Posto isso, torna-se necessário controlar e registrar de maneira mais efetiva as Bancas Examinadoras de Defesa realizadas. Atualmente o Curso de Engenharia de Produção não tem registro integrado das bancas, comprometendo o registro histórico do curso. Neste contexto, justifica-se o desenvolvimento de um software que auxilie no agendamento e registro das Bancas Examinadoras de Defesa ocorridas no Curso de Engenharia de Produção.

Metodologia

O desenvolvimento deste projeto se dará de acordo com as etapas descritas abaixo:

1. Desenvolver formulários e relatórios de apoio ao processo:

Apesar da finalidade do projeto tratar da elaboração de um software de cadastro de bancas examinadoras de defesa, sabe-se, previamente, que algumas etapas do processo necessitam de procedimentos manuais. Por exemplo, sabe-se que as bancas precisam ser aprovados em reunião de Colegiado de Curso. Além disso são necessárias as emissões de comprovantes, tais como, participação de professor como avaliador em banca, participação de aluno como ouvinte para registro de atividade complementar, entro outros. Assim, torna-se inevitável a criação de uma série de formulários padronizados que auxiliem o processo fisicamente. Os formulários serão desenvolvidos em planilha eletrônica que, na etapa seguinte, serão integradas com o software desenvolvido.

4. Planejar a estrutura de dados e regras que suportarão o software:

Após mapeamento do processo e elaboração dos formulários padronizados, torna-se necessário elaborar a estrutura de dados que dará suporte ao processo e à elaboração do software. Nesta etapa de trabalho será utilizado um banco de dados relacional onde serão informadas as tabelas e chaves primárias do banco de dados.

5. Desenvolver a interface e código fonte do software.:

Por fim, a interface, o código fonte e a integração do software com as planilhas eletrônicas, geradas na etapa anterior, serão elaboradas.

Resultados Esperados

Espera-se que o presente projeto melhore o controle e acompanhamento das bancas examinadoras de defesa, reduzindo erros de cadastro e facilitando o processo de emissão de certificados pela secretaria do curso de Engenharia de Produção.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
LEONARDO ROSA ROHDE817/08/201511/12/2015
VINICIUS BERNE DA COSTA217/08/201511/12/2015

Página gerada em 22/01/2020 15:41:28 (consulta levou 0.049858s)