Nome do Projeto
Formação continuada em biologia celular e molecular com ênfase em Odontologia
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
01/03/2017 - 28/02/2018
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Odontologia
Resumo
A implementação e o desenvolvimento de novas terapias e métodos baseados nos conhecimentos da biologia celular e molecular requerem uma reciclagem educacional contínua dos profissionais das áreas de saúde, entre eles, o cirurgião-dentista. O atual “Estado da Arte” nas terapias regenerativas baseadas em células-tronco inclui a terapia celular e a engenharia tecidual, as quais desenvolvem promissoras aplicações buscando restaurar a forma e a função baseada nos princípios biológicos moleculares do desenvolvimento e da morfogênese, governados pela bioengenharia (Piva & Silva, 2014). Além disso, na área da odontologia, vários avanços têm se conseguido no sentido de compreender essas interações biológicas. O avanço da biotecnologia e as mudanças conceituais ajudam a promover modificações positivas na longevidade e na qualidade de vida dos indivíduos. O uso de estratégias que utilizem princípios biológicos em odontologia é de importância fundamental para que novas opções de tratamentos clínicos possam ser futuramente explorados. Diante disso, existe a necessidade de se atualizar conteúdos e discutir metodologias de pesquisa relacionadas a biologia celular e molecular, com especial ênfase em Odontologia. Além disso, diversas áreas de pesquisa aplicada têm lançado mão da análise morfológica dos tecidos do sistema estomatognático, não apenas como finalidade principal, mas como ferramenta auxiliar ou qualitativa para averiguar a metodologia experimental proposta. Exemplos que podem ser citados na área forense (Ramenzoni & Line, 2006); na patologia (Akrisch & col, 2004); na genética (Nor, 2006); na própria dentistica restauradora (Silva e col 2006), endodontia (Piva e col, 2006), e demais especialidades da área.

Objetivo Geral

I – No âmbito da docência, possibilitar ao discente o aprendizado contínuo relacionado a biologia morfofuncional,celular e molecular com ênfase em Odontologia;
II- Incentivar o despertar de futuros pesquisadores para o desenvolvimento de atividades de pesquisa básica na área
de pesquisa de base;
III – Contribuir para a melhora do desempenho acadêmico em áreas específicas e no próprio curso como um todo;
IV- Desenvolver o raciocínio crítico e lógico de interpretação pelos acadêmicos em odontologia perante fenômenos clínicos correlacionando-os com a biologia básica;
V- Possibilitar o intercâmbio de diversas áreas do conhecimento, de modo a torná-lo mais dinâmico;
VI- Contribuir com a formação dos discentes através da participação de projetos extracurriculares - carga horária necessária na graduação;

Justificativa

Devido aos avanços contínuos em biologia celular e molecular, bem como a necessidade de compreensão de como os aspectos morfofisiológicos dos tecidos se relacionam se faz necessário integrar, discutir e atualizar esses conteúdos para os discentes e assim contribuir em uma melhor compreensão integral da Odontologia, seja este discente um futuro
clínico ou pesquisador.

Metodologia

Alunos, independentes do semestre e curso, poderão participar.
O conteúdo programático será apresentado através do emprego de aulas expositivas e dialogadas, com utilização de vídeos, debates, análise de casos práticos, simulações, leitura de artigos, seminários e treinamentos nos laboratórios do Centro de Desenvolvimento e Controle em Biomateriais (CDC-Bio/UFPel) e Núcleo de Engenharia Celular e Tecidual (NCT-Bio/UFPel). O conteúdo a ser apresentado será oriundo de artigos científicos atualizados e literatura pertinente. O local de execução do projeto será na sala 519 da Faculdade de Odontologia da UFPel.

Resultados Esperados

Espera-se concretizar de forma satisfatória os objetivos gerais e específicos propostos nesse projeto, de modo que o desempenho acadêmico de todo aluno participante possa ser aumentado, não só a nível técnico, mas também, de forma indireta, que seja aprimorada as metodologias de pesquisa, quer seja por número maior de diagnósticos bem sucedidos à odontologia.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADRIANA FERNANDES DA SILVA201/03/201728/02/2018
CAROLINA SAMPAIO DE AZEVEDO201/03/201728/02/2018
FELIPE IMMICH104/04/201718/10/2017
FERNANDA SRYNCZYK DA SILVA102/04/201718/07/2017
GABRIEL SCHMITT DA CRUZ101/09/201731/12/2017
MARIANE DUTRA JOANOL201/03/201728/02/2018
RAFAEL GUERRA LUND104/07/201703/01/2018
RENAN DI PAULA BENINI201/09/201730/09/2017
ROSANGELA FERREIRA RODRIGUES101/03/201731/01/2018
THALES SCHIAVON SANTIN104/07/201729/09/2017
TIAGO MACHADO DA SILVA201/03/201731/07/2017
WELLINGTON LUIZ DE OLIVEIRA DA ROSA201/03/201728/02/2018

Página gerada em 22/11/2019 15:51:46 (consulta levou 0.059094s)