Nome do Projeto
Oficina de Leitura e de Escrita
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
03/07/2014 - 18/12/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes - Letras
Resumo
Em nosso trabalho docente, frequentemente, convivemos com um quadro pouco animador nas instituições do ensino básico e também no ensino superior: nossos alunos têm pouco domínio sobre suas habilidades de leitura e de escrita. Por outro lado, também é fruto de nossa vivência a observação de que, ao longo do percurso escolar dos alunos, há poucas ocasiões favoráveis para que eles possam desenvolver essas duas habilidades. Por outro lado, entendemos que há dois fatores primordiais que agem como obstáculo ao pleno desenvolvimento de suas habilidades, como a de ler e e a de escrever proficientemente: primeiro, as classes em geral são numerosas e heterogêneas, não dando ao professor oportunidade de criar ambiente adequado a trabalho com a especificidade da leitura e da escrita; não apartado desse primeiro fator, o segundo percalço que vemos para o ensino da leitura e da escrita é a metodologia de trabalho que, em geral, não acompanha o pressuposto de que se deve inaugurar situações de interlocução em sala de aula, para que o aluno veja o interlocutor em sua frente e para que escreva e leia tendo em vista alcançar o outro, interpelar o outro ou deixar-se interpelar pelo outro.

Objetivo Geral

Estabelecer um diálogo permanente com a comunidade estudantil da UFPel, no que diz respeito à leitura e à escrita de textos, através da oferta de cursos e de oficinas, que possam servir de instrumento para uma melhora em relação ao desempenho dos alunos nessas habilidades.

Justificativa

Nas considerações anteriores, destacamos o fato de haver, com frequência, poucas ocasiões propícias ao desenvolvimento das habilidades de leitura e de escrita nas instituições de ensino. Pensamos poder modificar essa constância, procurando trabalhar nesta oficina que propomos com uma dinâmica que possa conduzir o aluno a uma situação natural de comunicação. Um segundo ponto que torna este trabalho uma ação positiva é que o projeto da oficina de leitura e escrita está voltado para alunos pibidianos, que merecem e necessitam do apoio da Universidade como um todo, para que o seu trabalho, voltado para a comunidade de ensino, alcance, de forma mais efetiva, os seus objetivos.

Metodologia

O projeto que aqui se propõe tem caráter interdisciplinar. Dessa forma, embora a oficina tenha como ministrante precípua a professora Rejane F. Machado, conta-se com o apoio psicopedagógico e linguístico de toda a equipe prevista no projeto. De forma mais específica, o trabalho se embasa em uma metodologia que coloca o fazer como um propulsor do conhecimento. Os participantes das oficinas serão instigados a, através da análise e escrita de textos pertencentes a diferentes gêneros, sob uma perspectiva pedagógica que se vê como adequada, possam se apropriar das especificidades desses textos, levando em conta o sentido que ali se constrói. Para isso, traremos, em caráter adjutório, conceitos como os de tema/rema, tese/argumentos, macro/superestrutura, coesão/coerência. O corpus de análise é formado por textos da mídia - editoriais, textos de opinião, crônicas - e textos literários, como narrativas curtas.

Resultados Esperados

Entende-se que o projeto poderá melhorar as condições profissionais de futuros professores das séries iniciais, que hoje participam do PIBID. Pensa-se, de forma mais ampla, em inaugurar um espaço de formação, em termos de leitura e de escrita, específico para professores de séries iniciais. A não existência desse espaço é muitas vezes salientada por professores e alunos da FAE como um fator negativo, uma falta nas ações de ensino. Outra expectativa, que já possui a anuência dos professores envolvidos no projeto e dos alunos, é a possibilidade dos dados da oficina, como a escrita desses alunos, virem a contribuir para a pesquisa que as professoras Rejane Machado e Lourdes Frison tem implementado em termos de leitura, de escrita e de autorregulação, o que poderia reverter em propostas de trabalho que melhor contemplassem as necessidades dos alunos, principalmente sob a perspectiva da temática que se abordará nesta oficina.

Indicadores, Metas e Resultados

Tem-se a perspectiva de divulgar os resultados desse trabalho, com o intuito de mobilizar mais iniciativas que possam ajudar na formação dos alunos da UFPel, valendo-se dos problemas que os afligem, com intuito de se oferecer solução.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALZIRA ARGOU MARQUES403/07/201418/12/2014
BRUNA LINDEMANN DUTRA403/07/201418/12/2014
CAROLINA LEAL ANDRADE403/07/201418/12/2014
ELESSANDRA MORAES MAGALHÃES403/07/201418/12/2014
FÁTIMA LUANA DA SILVA LEAL403/07/201418/12/2014
GILCEANE CAETANO PORTO203/07/201418/12/2014
JOSIANE JARLINE JÄGER403/07/201418/12/2014
LOURDES MARIA BRAGAGNOLO FRISON203/07/201418/12/2014
LUIZA KERSTNER SOUTO403/07/201418/12/2014
LÍLIA BEATRIZ PEREIRA MEIATTO403/07/201418/12/2014
MARIA DA CONCEIÇÃO SANTOS DA SILVA403/07/201418/12/2014
MIRELA RIBEIRO MEIRA203/07/201418/12/2014
PATRICIA PEREIRA CAVA203/07/201418/12/2014
QUENIA COIMBRA DA SILVA CARRILHO403/07/201418/12/2014
REJANE FLOR MACHADO403/07/201418/12/2014
SUÉLEM MARIA PERES ALMEIDA403/07/201418/12/2014

Página gerada em 20/11/2019 22:54:39 (consulta levou 0.043822s)