Nome do Projeto
Escore corporal relacionado com glicemia, metabolismo lipídico e marcadores cardíacos de cães
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
04/04/2011 - 04/08/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica Veterinária
Resumo
A obesidade canina pode desencadear alterações glicêmicas, dislipidemias, desbalanço eletrolítico, e aumentar a ocorrência de malasseziose. Animais insulino-resistentes podem apresentar hipertrigliceridemia como resultado do aumento da fração VLDL-C, a qual pode ocorrer pelo incremento de substratos no fígado, principalmente glicose. A pele possui uma camada lipídica que forma uma barreira de proteção, e a Malassezia pachydermatis é uma levedura presente na microbiota, lipofílica e não lipodependente, que se prolifera após a mudança do microclima da epiderme. Portanto, pode estar associada ao aumento de massa corporal gorda no cão.

Objetivo Geral

Analisar cães com base na classificação por escore corporal e relacionar com glicemia, metabolismo lipídico, presença de Malassezia pachydermatis, e marcadores cardíacos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
20
ANA RAQUEL MANO MEINERZ207/03/201130/12/2014
ANELIZE DE OLIVEIRA CAMPELLO FELIX207/03/201130/12/2014
CRISTINA GEVEHR FERNANDES207/03/201130/12/2014
LUCIANE SEVERO FRANCISCO222/07/201304/08/2014
LUCIANE SEVERO FRANCISCO1201/08/201331/07/2014
MARIANA TEIXEIRA TILLMANN207/03/201130/12/2014
PATRICIA ALMEIDA FERREIRA407/03/201130/12/2014
SABRINA DE OLIVEIRA CAPELLA 207/03/201130/12/2014
STEPHANIE DE SOUZA THEODORO207/03/201127/05/2013
WILLIAM PERES207/03/201130/12/2014

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 0,00
CNPqR$ 0,00

Página gerada em 11/12/2018 14:14:54 (consulta levou 0.078910s)