Nome do Projeto
Ectoparasitos do peixe anual Cynopoecilus melanotaenia (Regan, 1912) em um banhado no extremo sul do Rio Grande do Sul
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/08/2012 - 02/08/2014
Unidade de Origem
Resumo
Cynopoecilus melanotaenia (Regan, 1912) é uma espécie pertencente à ordem dos ciprinidontiformes e faz parte da família Rivulidae, dentro desse grupo se encontram espécies em risco de extinção. Esses animais ocorrem em campos e banhados que sazonalmente secam no período de estiagem, consequentemente, desenvolveram adaptações diversas para lidar com esse problema. Muitos parasitos de organismos aquáticos não possuem adaptações que possibilitem a passagem por períodos de estiagem. Dentre os diversos parasitos de ambiente aquático, os crustáceos e monogenéticos possuem um grande número de espécies descritas. Sabe-se que estes ultimos parasitos são comumente encontrados em teleósteos de diversos biótopos, e também em anfíbios e moluscos. Ou seja, eles parasitam animais que possuem contato com a água, pois depende desta para seu desenvolvimento e deslocamento. Sabendo da dependência destes parasitos por água e conhecendo a biologia de Cynopoecilus melanotaenia, caso ocorra relação entre ambos esta será de forma não específica, ou seja, os monogenéticos de peixes anuais devem possuir mais de um hospedeiro e este serve como fonte de infestação para o primeiro. Dentro desse contexto e levando-se em consideração o elevado grau de endemismo, e em alguns casos, risco de extinção dos peixes anuais, esse projeto tem como objetivo descrever as prováveis relações de ectoparasitismo do peixe anual Cynopoecilus melanotaenia e em caso positivo, descrever os processos ecológicos intrínsecos dessas relações, procurando estabelecer interações entre os processos de infestação e a flutuação das variáveis abióticas onde esses animais ocorrem.

Objetivo Geral

Objetivo Geral
Descrever as relações de ectoparasitismo do peixe anual Cynopoecilus melanotaenia, levando-se em consideração as características únicas do ambiente onde esses animais ocorrem. O sinergismo entre a área alagável e o arroio adjacente a ela também serão considerados.

Objetivos específicos

- Determinar quali e quantitavamente as espécies de ectoparasitos encontrados em Cynopoecilus melanotaenia.
- Avaliar os índices parasitários de prevalência, abundância e intensidade média de infestação dos parasitos.
- Avaliar as relações ecológicas de transporte interespecífico de ectoparasitos entre os diferentes ambientes limnológicos estudados.
- Relacionar variáveis abióticas com as interações parasitárias.

Metas

Compreender as interações parasitárias entre Monogenoidea frente às condições abióticas locais e reconhecer a taxonomia e ecologia dos possíveis ectoparasitos de C. melatotaenia.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
5
20
20
20
BRUNA DE CASTRO KNOPP1201/08/201331/07/2014

Página gerada em 25/06/2019 23:25:19 (consulta levou 0.067267s)