Nome do Projeto
AVALIAÇÃO DAS CONDIÇÕES HIGIÊNICO-SANITÁRIAS DOS SERVIÇOS DE ALIMENTOS E BEBIDAS DA REDE HOTELEIRA DE PELOTAS/RS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
10/08/2012 - 11/08/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Nutrição - Dietética
Resumo
A cidade de Pelotas, conhecida como a capital nacional do doce, devido aos inúmeros atrativos culturais, naturais e coloniais, recebe muitos visitantes que aqui se instalam em hotéis e usufruem de seus serviços. Uma das preocupações dos empresários do setor hoteleiro é oferecer com qualidade o serviço de alimentos e bebidas livres de contaminantes que possam colocar em risco a saúde do consumidor. Paralelamente ao incremento do turismo, a incidência de doenças de origem alimentar está crescendo em todo o mundo. Acredita-se que a alimentação contaminada seja a principal causa de doenças em turistas. Este estudo tem como objetivo realizar um diagnóstico e intervenção nas condições higiênico-sanitárias dos estabelecimentos de alimentos e bebidas produzidos e distribuídos na rede hoteleira do município de Pelotas/RS. O intuito é verificar quais são os itens mais difíceis de serem cumpridos com relação às boas práticas e, se, as estratégias recomendadas para concretizar esse intento, são realmente aplicadas. Em cada hotel participante será verificada as condições higiênico-sanitárias mediante a aplicação de checklist conforme Portaria nº. 78/2009 da Secretaria da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul. Sendo que a classificação dos estabelecimentos seguirá a proposta de Veiros et. al. (2009). deverão ser apontadas as principais causas das não conformidades encontradas, relatadas e discutidas as recomendações de melhorias com base no conceito de boas práticas estabelecido conforme RDC n° 216 de 15 de setembro de 2004. Serão coletadas amostras de superfícies através da técnica de esfregaço em superfície (técnica do “swab”) utilizando swabs estéreis para avaliação microbiológica, dos equipamentos, utensílios, manipuladores e fruta. Os critérios referentes a limites microbiológicos serão conforme recomendação descrita no Compendium of Methods for the Microbiological Examination of Foods, editado pela American Public Helth Association (2001), exceto para a análise microbiológica da fruta (preferencialmente com casca), que será conforme RDC N° 12 de 2 de janeiro de 2001.

Objetivo Geral

Objetivo Geral

Realizar diagnóstico e intervenção nas condições higiênico-sanitárias dos estabelecimentos produtores e distribuidores de alimentos e bebidas na rede hoteleira do município de Pelotas/RS.


Objetivos Específicos

Descrever e caracterizar os estabelecimentos de acordo com os itens de conformidade e não conformidades em relação aos serviços de alimentação;
Caracterizar o perfil do profissional manipulador de alimentos;
Avaliar as etapas de produção, identificando as condições higiênico-sanitárias dos estabelecimentos; antes e após capacitação de manipuladores de alimentos;
Analisar microbiologicamente: equipamentos, utensílios, mãos de manipuladores e um alimento;
Sugerir adequações, quando necessário com base nos conceitos de Boas Práticas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
2
2
2
2
2
2
2
2
2
10

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 0,00

Página gerada em 11/12/2018 04:58:10 (consulta levou 0.083873s)