Nome do Projeto
Espessura do músculo adutor do polegar como preditor de complicações pós-operatórias de cirurgia oncológica
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
10/05/2013 - 15/01/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Nutrição - Desnutrição e Desenvolvimento Fisiológico
Resumo
O crescimento mundial do câncer nas últimas décadas tornou essa patologia um importante problema de saúde pública. A desnutrição está presente em 30 a 50% dos casos de câncer e está associada a um pior prognóstico. O paciente desnutrido apresenta menor tolerância ao tratamento antineoplásico, contribuindo para redução da qualidade de vida, aumento das taxas de morbimortalidade, dos custos e do tempo de internação hospitalar. A avaliação nutricional é fundamental para reconhecer e identificar pacientes com desnutrição ou em risco de desenvolvê-la, e possibilitar o planejamento de uma terapia nutricional precoce, a fim de favorecer a recuperação pós-operatória. A mensuração do músculo adutor do polegar é um método de avaliação capaz de estimar a perda de massa muscular esquelética. Tem fácil aplicabilidade no ambiente hospitalar, é rápido, dispensa o uso de equação matemática e apresenta baixo custo, podendo ser um potencial preditor de risco para complicações e mortalidade no período pós-operatório. Assim, o objetivo do presente estudo é a medida da espessura do músculo adutor do polegar como parâmetro de avaliação nutricional preditor de complicações pós-operatórias. Estudo longitudinal observacional, realizado com pacientes com diagnóstico de câncer submetidos à primeira cirurgia oncológica, internados no Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas. Os pacientes, após a assinatura do Termo de Consentimento, serão avaliados por nutricionistas residentes quanto ao seu estado nutricional pela Avaliação Subjetiva Global produzida pelo paciente e terão a EMAP aferida por plicômetro. Dados referentes à doença e à evolução pós-operatória serão obtidos do prontuário do paciente. Os dados serão analisados com o pacote estatístico Stata 11.1® considerando nível de significância de 5%.

Objetivo Geral

OBJETIVO GERAL

Avaliar se a medida da EMAP é um parâmetro de avaliação nutricional preditor de complicações pós-operatórias em pacientes submetidos a cirurgias oncológicas.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

• Avaliar o estado nutricional pré-operatório dos pacientes.
• Avaliar ocorrência de complicações e evolução pós-cirúrgica.
• Verificar a associação entre a ASG-PPP e a medida da EMAP.
• Verificar a associação da EMAP com o tempo de internação hospitalar.
• Verificar a associação da EMAP com complicações pós-operatórias.
• Verificar a associação da EMAP com a mortalidade durante o período de internação hospitalar.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
1
1
10
RENATA TORRES ABIB110/05/201315/01/2014

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
Recursos própriosR$ 0,00

Página gerada em 11/12/2018 14:15:51 (consulta levou 0.074781s)