Nome do Projeto
Toxopplasma gondii como possível causa de perdas reprodutivas em rebanhos ovinos do RS, Brasil
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
28/05/2013 - 20/03/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia Parasitária Animal
Resumo
O estudo consistirá de acompanhamento sorológico e clínico de fêmeas ovinas soronegativas para T. gondii , desde o período pré-cobertura , até o parto. Serão avaliadas 350 fêmeas, de propriedades localizadas nos municípios de Piratini e Herval. O objetivo é avaliar a incidência de primoinfecção durante a prenhez, e seus possíveis efeitos sobre a eficiência reprodutiva das matrizes. Para isso serão avaliadas fêmeas soronegativas e com diagnóstico de prenhez confirmado por ultrassonografia, através de acompanhamento clínico (retorno ao cio, aborto) e sorológico (RIFI) das mesmas, até o parto. Será feito acompanhamento clínico dos cordeiros, até os primeiros 30 dias de vida. Dessa forma será conhecido o índice de soroconversão dos ovinos durante a fase gestacional, e as possíveis consequencias dessa infecção para os fetos.

Objetivo Geral

Avaliar a importância de Toxoplasma gondii (Nicolle e Manceaux, 1909) como causador de perdas reprodutivas em rebanhos ovinos do Rio Grande do Sul, Brasil, através dos seguintes objetivos específicos: avaliar a incidência da infecção por T. gondii durante a gestação de fêmeas ovinas soronegativas; correlacionar a época da primo-infecção por T. gondii com as perdas reprodutivas ocasionadas; estimar a significância econômica da toxoplasmose aos rebanhos em estudo.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
BEATRIS GONZALEZ CADEMARTORI328/05/201320/03/2014
FERNANDO CAETANO DE OLIVEIRA2028/05/201320/03/2014
JERONIMO LOPES RUAS128/05/201320/03/2014
PLÍNIO AGUIAR DE OLIVEIRA1028/05/201320/03/2014

Página gerada em 11/12/2018 13:55:43 (consulta levou 0.060788s)