Nome do Projeto
Etnografias da participação: a etnografia como metodologia de apoio ao desenvolvimento de políticas públicas participativas >
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
02/07/2013 - 10/10/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Humanas - Antropologia - Antropologia Urbana
Resumo
Através deste estudo se pretende contribuir para o conhecimento do processo de democratização da sociedade através da investigação da relação entre o Estado e a sociedade, mais especificamente, qualificar o entendimento sobre a permeabilidade das políticas públicas às demandas da população atingida pelas mesmas. Além disso, procurar investigar a mútua influência da relação entre agentes do estado e agentes das coletividades, em busca dos sentidos que são construídos para os atores envolvidos neste espaço de inter-relação que são os projetos. O que propomos nesta pesquisa é aprofundar o entendimento dessa relação entre as instituições do Estado e as coletividades urbanas que são alvo de suas políticas

Objetivo Geral

-Reconhecer as concepções e práticas que caracterizam a constituição dos espaços de habitação por parte dos habitantes dos bairros periféricos de Pelotas.
-Esta etnografia pretende qualificar a relação entre habitantes do bairro, agentes públicos e militantes de ONG´s e de suas ações na constituição da ideia do bairro como território habitado. Estudar as relações de mediação na sociedade, tanto de suas possibilidades e como de seus limites, contribuindo na conexão dos grupos que habitam a cidade caracterizada pela diversidade cultural e, portanto, por diferentes concepções do que seja habitar a mesma cidade.
- Contribuir na realização de diagnósticos socioambientais em bairros periféricos de Pelotas/RS e criar canais de relação entre agentes da comunidade e agentes públicos do estado de da sociedade civil.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final

Página gerada em 10/12/2018 20:09:53 (consulta levou 0.067859s)