Nome do Projeto
Avaliação da alteração da cor e resistência à fadiga de flexão de resinas para base de dentaduras após ciclagem de flexão em três pontos e imersão em diferentes meios
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
16/07/2013 - 16/07/2015
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Odontologia
Resumo
O objetivo deste trabalho é avaliar a influência da ciclagem de flexão sobre alteração de cor nas resina acrílicas para bases de dentaduras quando submetidas a líquidos pigmentantes bem como avaliar a influência da imersão em líquidos sobre a resistência à flexão. Serão confeccionados 100 corpos-de-prova para cada uma de duas técnicas de polimerização (T1 - termopolimerização de ciclo curto e T2 - termopolimerização por energia de microondas). Estes corpos serão acabados e terão suas superfícies polidas até atingirem a espessura de 3,0 +_0,01 mm quando serão imersos em água destilada por 36 horas para eliminação dos monômeros residuais. Todas as barras terão então sua cor inicial medida no ponto central pelo lado da tensão de tração. 50 corpos de prova de T1 e de T2 sofrerão dois estágios de ciclagem de flexão por 3 pontos a 120N: 250 ciclos e 150 ciclos. Após o primeiro estágio os corpos serão aleatoriamente divididos em 5 grupos (n=10) e submetidos por 15 dias a imersão nas seguintes soluções: g1) água destilada (controle), g2) refrigerante de cola, g3) café, g4) vinho e g5) chá. O mesmo procedimento será realizado após o segundo estágio de ciclagem. Os demais 50 corpos de prova de T1 e T2 (controle) serão aleatoriamente divididos em 5 grupos (n=10) e submetidos à imersão nas mesmas soluções acima. Após os respectivos períodos de imersão os corpos de prova terão novamente sua cor medida no ponto central e será calculado o ΔE dos corpos de prova. Para o teste de resistência à flexão serão confeccionados adicionais 10 corpos de prova de T1 e T2 para controle que receberão o mesmo tratamento de flexão citado acima. Este controle e todos os grupos submetidos à flexão no teste anterior sofrerão novo ciclo de flexão, sendo registrado o acumulado de ciclos necessários para provocar fratura dos corpos. Após observação de normalidade e homogeneidade será aplicada estatística paramétrica (análise de variância para 3 fatores de variação: técnica, flexão e solução) ou não paramétrica (teste de Friedman). Palavras-Chave: Resinas acrílicas; pigmentação; cor.

Objetivo Geral

O objetivo do presente trabalho é avaliar a estabilidade de cor das resinas acrílicas processadas por técnicas diferentes quando submetidas à ciclagem de flexão em três pontos e imersas em diferentes bebidas, no local de maior tensão de tração e no local de menor tensão. Um segundo objetivo é avaliar o efeito desta imersão na resistência à fadiga por flexão em três pontos destas resinas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDRÉ LUÍS ASSMANN416/07/201316/07/2015
GUILHERME BRIAO CAMACHO116/07/201316/07/2015
LUCIANA DE REZENDE PINTO116/07/201316/07/2015

Página gerada em 12/12/2018 12:24:21 (consulta levou 0.065018s)