Nome do Projeto
Avaliação de Metodologias Analíticas Utilizadas para a Determinação de Iodo em Alimentos
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
27/08/2013 - 27/08/2015
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Química - Análise de Traços e Química Ambiental
Resumo
Considerando que o iodo é um dos elementos-traço essenciais, presente em processos metabólicos em humanos e animais, sua determinação em alimentos torna-se de grande importância. A presença de iodo em alimentos é considerada essencial à dieta humana, podendo este elemento ser encontrado naturalmente ou, até mesmo, adicionado como suplemento. Além disso, compostos de iodo são algumas vezes usados como desinfetantes, podendo ser encontrados posteriormente nos alimentos industrializados. A deficiência de iodo nos seres humanos pode levar ao mau funcionamento do organismo, em especial à doença do bócio e seu excesso pode levar ao desequilíbrio da tireóide. Assim, é necessário o desenvolvimento de métodos analíticos adequados para a determinação de iodo em alimentos, em especial, em baixas concentrações (menores que 0,5 g g-1). Contudo, de maneira geral, quando se objetiva a determinação de iodo, a etapa de decomposição das amostras é crítica devido, principalmente, a sua volatilidade na forma de HI ou I2. Além disso, os reagentes e o procedimento escolhido não devem interferir na etapa de determinação. Levando em consideração que o estado do Rio Grande do Sul destaca-se na produção de alimentos no País e da grande relevância da determinação de iodo nestas amostras, é primordial que se desenvolvam métodos analíticos que possibilitem a informação da concentração de iodo nos alimentos, o que proporcionará futuramente a atualização das tabelas nutricionais. Desta forma, o presente projeto visa a avaliação e o desenvolvimento de metodologias analíticas para a determinação de iodo em alimentos produzidos no estado do Rio Grande do Sul.

Objetivo Geral

Determinar a concentração de iodo em alimentos de origem animal e vegetal, como forma de garantir a qualidade dos produtos consumidos e exportados pela região Sul do Rio grande do Sul, bem como estabelecer uma metodologia de análise adequada e, com menor geração de resíduos, para a obtenção destes dados para futuramente propor a inclusão da concentração de iodo nas Tabelas de informação do valor nutricional dos alimentos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALESSANDRA CORTES TEOTONIO1225/06/201427/08/2015
ANGÉLICA SCHIAVOM DOS REIS1201/08/201231/12/2013
DIOGO LA ROSA NOVO1201/03/201331/07/2014
FERNANDA BERNDT BORBA SCHIAVON1201/08/201227/08/2013
FILIPE SOARES RONDAN1225/06/201427/08/2015
FILIPE SOARES RONDAN1201/08/201431/07/2015
FILIPE SOARES RONDAN1201/01/201431/07/2014
GILBERTO DA SILVA COELHO JUNIOR1225/06/201427/08/2015
GILBERTO DA SILVA COELHO JUNIOR1201/08/201431/07/2015
GILBERTO DA SILVA COELHO JUNIOR1201/10/201331/07/2014
GIOVANA TAVARES SILVA1201/08/201330/09/2013
RODRIGO MENDES PEREIRA418/11/201312/12/2014
THAIS MAZZETTI1201/08/201431/07/2015
THAIS MAZZETTI1201/08/201331/07/2014
THAIS RAUBACH HÜBNER1201/03/201327/08/2013
ÍSIS GONÇALVES TORALLES1201/08/201227/08/2013

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 0,00

Página gerada em 24/07/2019 01:41:25 (consulta levou 0.085969s)