Nome do Projeto
Investigação da Influência das Variáveis Metereológicas e do Efeito do Multicaminho na Calibração de Antenas Receptoras do Sinal GNSS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
10/08/2013 - 30/12/2016
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Geociências
Resumo
Em aplicações que requerem alta precisão em posicionamento de pontos na superfície terrestre utilizando métodos de posicionamento GNSS todas as fontes de erros devem ser minimizadas. Uma fonte de erro que ao lado dos erros troposférico e do efeito do multicaminho, é um fator limitante para alcançar precisão, refere-se ao conhecimento correto e individual do centro de fase das antenas receptoras do sinal GPS. Esse conhecimento é obtido através de métodos de calibração. O centro de fase de uma antena GNSS é o ponto de recepção do sinal vindo do satélite, ele não se situa exatamente no eixo central de simetria da antena, ele pode ser divido em dois elementos: o PCO (Phase Center Offset) e o PCV (Phase Center Variation). Com o crescimento da comunidade usuária do posicionamento por satélites GNSS que busca alta precisão com posicionamentos sobre a superfície terrestre no Brasil e na América Latina surgiu no ano de 2006 a ideia de implantar uma base de calibração de antenas receptoras do sinal GNSS no Brasil. Atualmente esta base de calibração está em funcionamento, localizada em Curitiba no estado do Paraná no Campus da Universidade Federal do Paraná e experimentos estão sendo realizados aplicando a metodologia de calibração relativa em campo. Esse é um método de fácil emprego, porém existem algumas desvantagens. Dentre elas pode citar: o fato dela estar condicionada aos efeitos das características do entorno da estação, o ambiente da antena, condições de multicaminho e variáveis metereológicas. Os primeiros resultados alcançados na BCAL/UFPR mostram que os parâmetros determinados de uma mesma antena são diferentes quando obtidos em épocas distintas do ano e sob diferentes condições metereológicas. Mediante esta constatação surgiu à necessidade de desenvolver uma análise mais criteriosa de algumas fontes de erros advindas do entorno das estações utilizadas no procedimento de calibração e também das variáveis metereológicas registradas no período de calibração. Uma vez identificada a influência dessas variáveis, elas poderão ser controlados visando a aperfeiçoar a metodologia empregada, tornando-se mais consistente, produzindo parâmetros de calibração com maior confiabilidade e disponibilizando a toda comunidade usuária GNSS da América Latina.

Objetivo Geral

ESTE PROJETO TEM POR OBJETIVO GERAL INVESTIGAR A INFLUÊNCIA DAS VARIÁVEIS METEREOLÓGICAS E DO EFEITO DO MULTICAMINHO NA CALIBRAÇÃO DE ANTENAS RECEPTORAS DO SINAL GNSS

Objetivos Específicos
Para que se possa atender o objetivo geral, enumeram-se os seguintes objetivos específicos:
1) Comparar e verificar a variação dos valores dos parâmetros de calibração (PCO e PCV) das antenas receptoras obtidos em diferenças condições metereológicas e em diferentes épocas do ano;
2) Investigar e analisar a correlação das variáveis metereológicas na determinação dos parâmetros de calibração de antenas GNSS;
3) Investigar e analisar o efeito do multicaminho na determinação dos parâmetros de calibração de antenas GNSS;
4) Aplicar os diferentes parâmetros de calibração na determinação precisa das coordenadas geodésicas;
5) Analisar a influência dos diferentes parâmetros de calibração nas coordenadas geodésicas determinadas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
DIULIANA LEANDRO210/08/201330/12/2016
ROGERS ADEMIR DRUNN PEREIRA210/08/201330/12/2016
SERGIO LEAL FERNANDES210/08/201330/12/2016

Página gerada em 13/11/2019 21:00:34 (consulta levou 0.066785s)