Nome do Projeto
Arquitetura computacional para controle bioclimático: implementação, avaliação e otimização
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/07/2014 - 31/12/2015
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Engenharias - Engenharia Civil - Construção Civil
Resumo
Esta pesquisa dá sequência e continuidade a pesquisa "Arquitetura Computacional de Controle Bioclimático" na qual, para o gerenciamento de janelas de uma edificação, foram realizadas milhares de combinações e simulações (cerca de 600mil) e identificados os melhores arranjos de abertura e fechamento das janelas de uma edificação, em função do conforto térmico obtido na Casa Bioclimática desenvolvida por POUEY (2011) com parâmetros de controle estudados por MARTINS et al (2009). Este banco de dados está sendo utilizado para treinar a rede neural. Durante a pesquisa foram obtidos os meios de conjugar o software de análise de desempenho térmico de energético de edificações, o EnergyPlus, às tomadas de decisões da rede neural, através de uma interface externa com o Building Controls Virtual Test Bed (BCVTB), um programa que realiza conexões de softwares de simulação. Desta forma, foi possível gerenciar as diferentes aberturas de um termo-acumulador para obter os melhor desempenho possível deste . Este trabalho que resultou no trabalho de conclusão de Curso de Ciência da Computação MEDEVEDOVKI (2010), será utilizado para gerenciar o controle de dispositivos de ventilação, sombreamento, aquecimento passivo de uma edificação inteira. Foram utilizadas as técnicas de Redes Neurais e Lógica Difusa, implementadas no Matlab em conjunto com técnicas mais simples, On-Off e Proporcional-Integral-Derivativo (PID). Essas técnicas já podem ser portadas para o controle da casa, visto que a estrutura básica já está implementada. Ressalta-se que essas técnicas extrapolam a perspectiva inicial de usarem-se apenas Redes Neurais. As simulações executadas além de serem usadas como treinamento da rede, permitiram identificar o pior e o melhor desempenho do prédio simulado. Alguns destes resultados podem ser constatados em FRANCO, FERRUGEM e SILVA (2011), FRANCO, FERRUGEM e SILVA (2012), FRANCO, FERRUGEM e SILVA (2012a), FRANCO, FERRUGEM e SILVA (2013). A pesquisa atual amplia a ação do sistema para o controle simultâneo de aberturas para ventilação com o controle de dispositivos de sombreamento buscando a otimização energética da edificação dentro dos parâmetros de conforto térmico e visual. A pesquisa também estende a gama de técnicas de controle baseadas em Inteligência Artificial, visando confrontar os resultados em busca de uma técnica eficiente dado o conjunto de ações necessários no gerenciamento residencial.

Objetivo Geral

Objetivo
Desenvolver um sistema computacional capaz de tomar decisões para gerenciar a eficiência energética da edificação, preservando as condições de conforto ambiental e as preferências particulares do usuário, tendo em vista o aproveitamento máximo dos meios passivos de condicionamento oferecidos pelo projeto arquitetônico.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDERSON PRIEBE FERRUGEM601/07/201431/12/2015
DAVID JOSÉ MARTINS2001/07/201431/12/2015
EDUARDO GRALA DA CUNHA401/07/201431/12/2015
GABRIEL DELUCIS MACIEL2001/07/201431/12/2015
LIADER DA SILVA OLIVEIRA401/07/201431/12/2015
MURIEL FIGUEREDO FRANCO2001/07/201431/12/2015

Página gerada em 26/10/2020 15:40:41 (consulta levou 0.100487s)