Nome do Projeto
Gestação e risco cardiometabólico: Associação entre aspectos relacionados à gestação e fatores de risco cardiometabólicos
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
19/11/2014 - 28/02/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Epidemiologia
Resumo
A gravidez é um evento pontual na vida das mulheres, ela tem sido sua principal causa de morte e incapacidade ao longo da história e, ainda, há sugestão de que suas consequências sejam duradouras no curso de suas vidas. Entre as consequências a longo prazo da gestação destacam-se aquelas de natureza ginecológica. Contudo, também há estudos que mostram a associação da gestação com a retenção de peso e com o desenvolvimento de hipertensão arterial e diabetes, entre outros fatores de risco cardiometabólicos. Dessa forma, o presente projeto objetiva analisar a associação entre aspectos relacionados a gestação e o desenvolvimento fatores de risco cardiometabólicos. Para se alcançar este objetivo serão desenvolvidos 3 estudos. No primeiro deles será realizada uma revisão sistemática e meta-análise para identificar estudos que tenham avaliado a associação entre paridade e o desenvolvimento de fatores de risco cardiometabólicos e estimar medida combinada dessa associação. O segundo e terceiro estudos possuem como objetivo principal avaliar a associação entre paridade e composição corporal e fatores de risco cardiometabólicos, respectivamente, em mulheres pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 1982 aos 30 anos de idade. A paridade aos 30 anos de idade será a principal variável independente e como variável dependentes serão avaliados o IMC; Circunferência da cintura; Índice de massa gorda; Pressão arterial; Glicemia ao acaso; Colesterol; e Proteína C reativa. Para testar essas hipóteses primeiramente serão construídos modelos de regressão linear para cada uma das variáveis dependentes estudadas. Essas análises serão replicadas para os homens pertencentes a mesma coorte para a discussão de confusão residual. A utilização de um desfecho negativo será outra estratégia adotada para confirmar a possível associação causal. Por fim, será verificado o efeito moderador do tempo de amamentação na associação entre paridade e composição corporal e o efeito mediador da composição corporal na associação da paridade e fatores de risco cardiometabólicos.

Objetivo Geral

Objetivo geral


Analisar a associação entre aspectos relacionados à gestação e o desenvolvimento fatores de risco cardiometabólicos.


Objetivos específicos


Artigo 1 - Associação entre paridade e fatores de risco cardiometabólicos: uma revisão sistemática e meta-análise
- Identificar estudos que tenham avaliado a associação entre paridade e o desenvolvimento de fatores de risco e/ou desfechos cardiometabólicos; e
- Estimar medida combinada da associação entre paridade e fatores de risco e/ou desfechos cardiometabólicos.

Artigo 2 - Paridade e composição corporal aos 30 anos de idade na Coorte de Nascimentos de Pelotas de 1982
- Avaliar a associação entre paridade e composição corporal em mulheres pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 1982 aos 30 anos de idade;
- Analisar as relações de causalidade entre paridade e composição corporal comparando as associações de mulheres e homens pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 1982 aos 30 anos de idade; e
- Analisar o tempo de amamentação como fator moderador para a associação entre paridade e composição corporal em mulheres pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 1982 aos 30 anos de idade.


Artigo 3 - Paridade e fatores de risco cardiometabólicos aos 30 anos de idade na Coorte de Nascimentos de Pelotas de 1982
- Avaliar a associação entre paridade e fatores de risco cardiometabólicos em mulheres pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 1982 aos 30 anos de idade;
- Analisar as relações de causalidade entre paridade e fatores de risco cardiometabólicos comparando as associações de mulheres e homens pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 1982 aos 30 anos de idade;
- Analisar o tempo de amamentação como fator moderador para a associação entre paridade e fatores de risco cardiometabólicos em mulheres pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 1982 aos 30 anos de idade;
- Analisar a composição corporal como fator intermediário para a associação entre paridade e fatores de risco cardiometabólicos em mulheres pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 1982 aos 30 anos de idade.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA FLÁVIA VARELLA E SILVA1201/08/201531/07/2016
BÁRBARA DOS REIS SANTOS419/11/201428/02/2017

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CNPqR$ 44.951,00
FAPERGS (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul)R$ 106.890,50

Página gerada em 19/10/2019 19:38:40 (consulta levou 0.073799s)