Nome do Projeto
EFEITOS E CONTROLE DE MILHO RR EM CULTURAS SUCESSIVAS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
14/03/2015 - 13/03/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Agrárias - Agronomia - Matologia
Resumo
O controle de plantas daninhas é uma prática fundamental na produção agrícola, já que a presença destas pode acarretar perdas significativas na produtividade. Tecnologias como soja e o milho resistente ao herbicida glyphosate foram desenvolvidas permitindo controle eficiente e com menor custo. Apesar da tecnologia RR apresentar diversas vantagens, existem alguns problemas que podem afetar as culturas sucessivas e aumentar os custos de produção. Em sistemas de produção a utilização da rotação de culturas entre soja e milho é frequente. Considerando que ambas as espécies possuem tolerância ao herbicida glyphosate e, que se perpetuam em culturas sucessivas nos sistemas de produção como plantas voluntárias, provocam perdas de rendimento devido à competição que estabelecem. Este problema tem preocupado produtores e técnicos quanto às alternativas de manejo para controle destas espécies voluntárias, fruto de perdas inerentes do processo de colheita. Sob condições adequadas, estas sementes germinam e podem reduzir a produtividade do trigo, do milho e da soja. A falta de opções para controle de plantas voluntárias em culturas e a menor sensibilidade aos herbicidas destas plantas em estádios mais avançados de desenvolvimento, tornam o controle ainda mais complexo. O controle em fases iniciais de desenvolvimento da planta e a dessecação são ferramentas essenciais para o controle ser eficaz. Todavia, a combinação de herbicidas para dessecação pode resultar em antagonismo entre as moléculas herbicidas e, afetar a eficácia final do tratamento herbicida, resultando em controle insuficiente das plantas voluntárias ou daninhas.

Objetivo Geral

Avaliar o nível de dano econômico da soja e do milho Roundup Ready® em culturas sucessivas ao milho, trigo e soja, avaliando a eficácia das alternativas de manejo químico para estas plantas voluntárias em diferentes estádios de desenvolvimento, bem como quantificar possíveis efeitos antagônicos que ocorrem com herbicidas graminicidas e com o 2,4D quando colocados em mistura com o glyphosate.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
JOANEI CECHIN114/03/201513/03/2017
MARIANE PERTILE414/03/201513/03/2017
VINICIUS ZIMMER114/03/201513/03/2017

Página gerada em 18/09/2019 23:43:27 (consulta levou 0.067825s)