Nome do Projeto
Atividade antihelmíntica de extratos vegetais sobre nematódeos gastrintestinais de ovinos
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/06/2015 - 30/07/2017
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas - Parasitologia - Helmintologia Animal
Resumo
A ovinocultura é umas das principais e mais tradicionais atividades agropecuárias do Brasil, principalmente no Rio Grande do Sul onde se encontra a maior parte do rebanho lanado do país. O controle das helmintoses de ovinos sempre foi com a utilização de anti-helmínticos comerciais, que visam combater os parasitas no trato gastrintestinal, além disso, diminuir a infestação dos mesmos nas pastagens. Este método de controle vem sendo usado há muitos anos pelos produtores, muitas vezes utilizado de forma errônea, o que acaba tornando os medicamentos ineficazes, devido ao aparecimento da resistência aos anti-helmínticos pelos parasitos, gerando custos com o tratamento, além de oferecerem riscos de contaminação por resíduos na carne e no leite. Em vista disto faz-se necessário buscar novas alternativas de controle sem riscos para o consumidor final e o ambiente. A proposta deste estudo é produzir e avaliara ação antihelmíntica de diferentes extratos de plantas Serão produzidos extratos hidroalcoólico e aquosos de Rosmarinus officinalis (alecrim), Ocimum basilicum (manjericão) Baccharis trimera (carqueija) Mentha spicata (hortelã) e Achyrocline satureioides ( marcela ), utilizando partes aéreas (folhas e flores) das plantas. Serão realizados testes da atividade ovicida, larvicida, citotoxidade e determinação de constituintes dos extratos.

Objetivo Geral

5.1. Objetivo geral:
Avaliar in vitro o potencial antiparasitário de extratos vegetais sobre ovos e larvas de parasitos gastrintestinais de ruminantes

5.2. Objetivos específicos:
- Verificar a ação ovicida e larvicida de extratos de Rosmarinus officinalis e Ocimum basilicum, Baccharis trimera, Mentha spicata e Achyrocline satureioides sobre ovos e larvas de nematódeos gastrintestinais de ovinos.
- Investigar a concentração mínima dos extratos com atividade antihelmíntica.
- Identificar os constituintes majoritários dos extratos aquoso e etanólico por cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC). -Avaliar a citotoxicidade dos extratos com potencial antihelmíntico em células eucarióticas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ELISA ROSA DA SILVA201/06/201530/07/2017
FABIO PEREIRA LEIVAS LEITE101/06/201530/07/2017
LEONARDO MORTAGUA DE CASTRO2001/06/201530/07/2017
MICAELE QUINTANA DE MOURA201/06/201530/07/2017
NATÁLIA BERNE PINTO401/06/201530/07/2017
TAIRAN OURIQUE MOTTA401/06/201530/07/2017
TAIRAN OURIQUE MOTTA1201/08/201531/07/2016
WESLEY DOUGLAS DA SILVA TERTO201/06/201530/07/2017

Página gerada em 20/01/2021 16:28:27 (consulta levou 0.075831s)