Nome do Projeto
A Mulher no Mercado de Trabalho: A prorrogação da licença maternidade e seus efeitos
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
22/12/2015 - 30/06/2017
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas - Economia
Resumo
Em um estudo relativamente recente, Carvalho, Firpo e Gonzaga (2006), analisaram o impacto da passagem da licença maternidade de 12 semanas para 120 semanas, entretanto nenhum estudo analisa o impacto desta legislação sobre o salário e o nível de emprego das afetadas. Portanto este trabalho procura contribuir com a literatura nacional referente à economia e mercado de trabalho, sobre a questão da mulher no mercado de trabalho e a verificação do impacto da licença maternidade sobre diversas esferas do trabalho feminino.

Objetivo Geral

O principal objetivo deste trabalho é verificar o impacto da nova legislação da licença maternidade (Lei nº 11.770/2008), no qual se analisa esta questão para os cinco grandes setores da economia (Indústria, construção civil, comércio, serviços e agropecuária) no âmbito nacional. Como objetivos específicos, queremos expor as teorias relacionadas ao estudo de gêneros no mercado de trabalho. Expor o comportamento do gênero feminino no mercado de trabalho. Demonstrar os principais fatores condicionantes da movimentação no mercado de trabalho feminino nos diferentes setores da economia.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
JULIA GALLEGO ZIERO UHR122/12/201530/06/2017
PATRICIA COLUSSI322/12/201530/06/2017

Página gerada em 22/09/2020 14:38:06 (consulta levou 0.090508s)