Nome do Projeto
PRÁTICA DE ATIVIDADE FÍSICA, APTIDÃO FÍSICA E FATORES ASSOCIADOS: UM ESTUDO DE COORTE COM ESCOLARES
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/03/2017 - 31/07/2017
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Resumo
A relação entre a prática de atividade física e sua relevância para a manutenção ou desenvolvimento da saúde está estabelecida em diversos estudos8, 18, 25-27, 38, 39, outros demonstram as altas prevalências de inatividade física na população adolescente3, 13, 15, 17. Embora exista uma produção do conhecimento considerável sobre os determinantes da atividade física28, 29, faz-se ainda necessário uma melhor compreensão sobre as relações entre essa prática e o estresse percebido, tendo em consideração fatores que podem influenciar esta associação como barreiras e motivações 151, 152. Na revisão realizada não foi encontrado estudo nacional publicado que tenha realizado acompanhamento longitudinal (do tipo coorte), e que tenha a Por exemplo, na puberdade, último estágio da maturação sexual, é marcada pela secreção de hormônio esteroides pelo organismo, predominantemente, a testosterona nos meninos e o estradiol nas meninas149. Essas modificações morfológicas, oriundas da maturação sexual, iniciam-se pelo aparecimento das características sexuais secundárias (aumento dos pelos pubianos, mamas, tamanho do pênis e testículos)149, que levam a modificação no corpo da massa magra, distribuição da gordura, aceleração da velocidade de crescimento (estirão puberal) e a fusão das epífises ósseas com a parada do crescimento149. 37 realizado avaliações em períodos curtos de tempo com foco na prática de atividade física. Estudos desenvolvidos em países de renda baixa e média, como o Brasil, podem evidenciar aspectos peculiares nas associações em estudo. As determinações tanto das exposições quanto do desfecho podem diferir de acordo com a realidade do local onde as pessoas vivem, tornando-a de extrema relevância para maior compreensão desta associação. Outra lacuna identificada foi a falta de pesquisas que visem avaliar a relação entre a prática de atividade física e a aptidão física cardiorrespiratória em adolescentes150. Estudos sobre esta relação poderão comparar as recomendações para a prática de atividade física e os níveis adequados de aptidão física.

Objetivo Geral

Investigar prospectivamente a associação entre a prática de atividade física e o estresse percebido, e avaliar a relação entre a prática de atividade física semanal e a aptidão física cardiorrespiratória em adolescentes escolares.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
MARCIO BOTELHO PEIXOTO421/03/201428/02/2017

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
Instituto Federal Sul-Rio-GrandenseR$ 8.000,00

Página gerada em 27/01/2021 05:05:31 (consulta levou 0.090285s)