Nome da Atividade
TRATAMENTO DE INFORMAÇÕES QUALITATIVAS POR ANÁLISE TEXTUAL DISCURSIVA.
CÓDIGO
12000457
Carga Horária
51 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
A DISTÂNCIA
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
1
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
1
CARGA HORÁRIA EXERCÍCIOS
1
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
3
CRÉDITOS
3

Ementa

Estuda os pressupostos metodológicos relacionados à análise de informações qualitativas construídas em pesquisas sociais e no campo da educação. Estabelece conhecimentos teóricos para análise em movimentos individuais e coletivos de pesquisa. Tem como pressuposto o exercício da escrita para a compreensão das possibilidades da análise textual como metodologia de análise e interpretação.

Objectives

Objetivo Geral:

--

Conteúdo Programático

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa, Edições 70, 2011.
  • BEAUD, M. A arte da tese: como redigir uma tese de mestrado ou doutorado, uma monografia ou qualquer outro trabalho universitário. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2014.
  • GIL, C.A. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. 4. ed. São Paulo: Atlas, p.70-80. 2019.
  • GOMES, R. A Análise de Dados em Pesquisa Qualitativa. In: MINAYO, S.C.M. (org). Metodologia de análisis de contenido: teoria e práctica. Barcelona, Ediciones Paidós, 1990.
  • LAVE. J; WENGER, E. Situated learning: legitimate peripherical participation. United Kingdom, Cambridege University Press, 1991.
  • MARQUES, O. Escrever é Preciso. O princípio da Pesquisa. Ijuí: Ed. Unijuí, 2011.
  • MORAES, R.; RAMOS, M. G; GALIAZZI, M. C.. A epistemologia do aprender no educar pela pesquisa em ciências: alguns pressupostos teóricos. In: MORAES, R.; MANCUSO, R. (Org). Educação em ciências: produção de currículos e formação de professores. Ijuí: Ed. Unijuí, 2004. p. 85- 108.
  • MORAES, R.; GALIAZZI, M. C. Análise Textual Discursiva. Ijuí: Ed. Unijuí, 2016.
  • MORAES, R. Análise de Conteúdo: limites e possibilidades. In: ENGERS, M.E.A. (org). Paradigmas e metodologias de pesquisa em educação. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1994.
  • RAMOS M. G.; RIBEIRO, M. E. M.; GALIAZZI, M. C. Análise Textual Discursiva em processo: investigando a percepção de professores e licenciandos de Química sobre aprendizagem. Campo Abierto, v. 34, n. 2, p. 125-140, 2015.
  • RIBEIRO, M.E.M., RAMOS, M.G. A contribuição da análise textual discursiva para compreender o PIBID como comunidade de prática. Revista Pesquisa Qualitativa. São Paulo (SP), v.8, n.19, p. 919-947, 2020.

Page generated on 2024-04-22 03:16:45 (query took 0.052142s)