Nome da Atividade
TEATRO DO OPRIMIDO E EDUCAÇÃO POPULAR
CÓDIGO
05000302
Carga Horária
60 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
2
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
2
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%

Ementa

Estudos sobre Teatro do Oprimido e a Pedagogia do Oprimido relacionados à Educação Popular.

Objetivos

Objetivo Geral:

Gerais
Apresentar aos discentes reflexões teórico-práticas acerca do Teatro do Oprimido e a Educação Popular; desenvolver abordagem crítica no campo de estudo, estimulando a investigação e a produção de novos conhecimentos.

Específicos
Identificar os principais fundamentos das teorias de Paulo Freire e Augusto Boal
Jogar e desenvolver atividades com o Teatro do Oprimido
Elaborar e refletir sobre possibilidades de ação em Educação Popular a partir do Teatro do Oprimido

 

Objetivos Específicos:

Refletir sobre a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire e suas
implicações com a Educação Popular no Brasil
Conhecer a proposta do Teatro do Oprimido de Augusto Boal e suas
relações com projetos de Educação Popular.
Discutir sobre as técnicas do teatro do oprimido e seu
desenvolvimento com jovens e adultos em diferentes contextos e
espaços educativos.
Compreender o papel do professor nos processos de teatro e
Educação Popular.

Conteúdo Programático

1. Paulo Freire e a Pedagogia do Oprimido.
2. Educação Popular: princípios e experiências brasileiras.
3. Augusto Boal e o Teatro do Oprimido.
4. As relações entre a Pedagogia do Oprimido e o Teatro do Oprimido no desenvolvimento de processos educativos.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • BOAL, Augusto. Jogos para atores e não-atores. 14ª ed. Revisada e Ampliada. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1998.
  • BOAL, Augusto. Teatro do oprimido e outras poéticas políticas. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1975.
  • FREIRE, Paulo. Ação cultural para liberdade e outros escritos. São Paulo: Paz e Terra, 1977.

Bibliografia Complementar:

  • DESGRANGES, Flávio. Pedagogia do teatro: provocação e dialogismo. São Paulo: Hucitec, 2006.
  • FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança: um reencontro com a pedagogia do oprimido. 6ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1999.
  • SILVEIRA, Fabiane Tejada da; FERREIRA, Taís; LEITE, Vanessa Caldeira (Org.). Conversações sobre teatro e educação. Porto Alegre: Observatório Gráfico, 2013.
  • SPOLIN, Viola. Improvisação para o teatro. 4ª ed. São Paulo: Perspectiva, 2003.
  • TEIXEIRA. Tânia Márcia Baraúna. Dimensões sócio-educativas do Teatro do Oprimido: Paulo Freire e Augusto Boal. Tese de Doutorado. Universidade Autônoma de Barcelona. 2007. Disponível em: http://www.tdr.cesca.es/TDX-1117108-164651/index_cs.html. Acesso em: 02 out. 2020.

Página gerada em 04/07/2022 00:48:26 (consulta levou 0.113051s)