Nome da Atividade
O PÓS DRAMÁTICO NA DRAMATURGIA
CÓDIGO
05000999
Carga Horária
30 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
2
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
2
CRÉDITOS
2
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Estudos sobre a dramaturgia contemporânea no contexto do teatro pós-dramático.

Objetivos

Objetivo Geral:

- Aprofundar os estudos sobre o teatro pós-dramático, em especial no âmbito da dramaturgia.
- Ler, discutir e analisar peças contemporâneas, considerando sua relevância social, estética e política.
- Analisar o “pôr em cena” na dramaturgia contemporânea.

Conteúdo Programático

UNIDADE 1: ESTUDOS APROFUNDADOS SOBRE O CONCEITO DE PÓS-DRAMÁTICO;

UNIDADE 2: A DRAMATURGIA EM TEMPOS DE PÓS-DRAMÁTICO
2.1 Estudos de caso: leitura, análise e discussão de peças teatrais contemporâneas (a partir do final do século XX);
2.2 Novas possibilidades de escrita dramática: dramaturgo, dramaturgista e escrita coletiva

UNIDADE 3: O “PÔR EM CENA” NA DRAMATURGIA CONTEMPORÂNEA
3.1 Estudos de caso: encenações a partir da dramaturgia contemporânea

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • PAVIS, Patrice. A encenação contemporânea: origens, tendências e perspectivas. São Paulo: Perspectiva, 2013.
  • RYNGAERT, Jean-Pierre. Ler o teatro contemporâneo. São Paulo: Martins Fontes, 1998.
  • SARRAZAC, Jean-Pierre (org.). Léxico do drama moderno e contemporâneo. São Paulo: Cosac Naify, 2012.

Bibliografia Complementar:

  • FERNANDES, Sílvia. Experiências do real no teatro. Sala Preta, PPGAC/USP, vol. 13, n. 2, 2013, p. 3-13. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/salapreta/article/view/69072/71518. Acesso em: 02 out. 2020.
  • GONÇALVES JUNIOR, Antonio Luiz. Dramaturgismo: movimentos do olharpensamento crítico em processo de criação artística. Sala Preta, PPGAC/USP, vol. 17, n. 1, 2017. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/salapreta/article/view/129285/130293. Acesso em: 02 out. 2020.
  • LEHMANN, Hans-Thies. Teatro pós-dramático, doze anos depois. Revista Brasileira de Estudos da Presença, Porto Alegre, 2013. Disponível em https://seer.ufrgs.br/presenca/article/view/39703. Acesso em: 01 out. 2020.
  • REWALD, Rubens. Caos: dramaturgia. São Paulo: Perspectiva, Fapesp, 2005.
  • RYNGAERT, Jean-Pierre. Introdução à análise do teatro. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

Página gerada em 16/04/2024 23:08:23 (consulta levou 0.056075s)