Nome da Atividade
A GEOPOLÍTICA E O MUNDO CONTEMPORÂNEO
CÓDIGO
10060220
Carga Horária
60 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
CRÉDITOS
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Formação do mundo contemporâneo e as teorias geopolíticas. Escalas territoriais da Geopolítica. Agentes hegemônicos da Geopolítica. Geopolítica nos espaços regionais mundial.

Objetivos

Objetivo Geral:

1. Apresentar a origem da Geopolítica;
2. Localizar o(s) papel(éis) da Geopolítica no período contemporâneo;
3. Compreender os processos históricos, econômicos e sociais responsáveis pelas dinâmicas geopolíticas;
4. Estimular a reflexão sobre o papel do Estado frente a diversidade de temas da Geopolítica (território da mulher e dos povos tradicionais);
5. Identificar a relação entre Geopolítica nacional e internacional em momento de pandemia – Covid-19.

Conteúdo Programático

Geografia Política e Geopolítica – (des)encontros;
Aspectos que envolvem a geopolítica: os modelos de regulamentação, acumulação e a globalização;
Geopolítica mundial;
Geopolítica na África;
Geopolítica no/com o território indígena;
O Estado-Nação Brasil – estrutura e funções em momento de Pandemia;
Comparativo mundial da violência contra a mulher: dados, políticas públicas e a pandemia;
Geopolítica em tempo de pandemia.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • ANTUNES, Marcelo Garcia. Espaço, Poder e Nação: a constituição do Estado-nação contemporâneo no mundo e no Brasil. Revista Geografia em Atos, Presidente Prudente, n. 10, v. 03, p. 5-31, jan-abr/2019. Beto Ricardo e Márcio Santilli. Povos Indígenas, Fronteiras e Militares no Estado Democrático de Direito. In: Interesse Nacional, v. 1, n. 3, out./dez. 2008, p. 18-28 - 08/10/2008. Disponível em: https://terrasindigenas.org.br/noticia/61218. Acesso em: 11/06/2020. David Harvey: Política anticapitalista em tempos de coronavírus. Disponível em: https://blogdaboitempo.com.br/2020/03/24/david-harvey-politica-anticapitalista-em-tempos-de-coronavirus/. Acesso: 12/06/2020. HARVEY, David. Política anticapitalista em tempos de Covid-19. In: DAVIS, Mike. et al (orgs.). Coronavírus e a luta de classes. Brasil: Terra sem Amos, 2020. LAN, Diana. Género y territorio: la violencia doméstica en espacios de vulnerabilidad y exclusión social – notas a partir de um caso en Argentina In: SILVA, Joseli Maria. Geografias subversivas: discursos sobre espaço, gênero e sexualidades. Ponta Grossa: TODAPALAVRA, 2009. Relatórios COVID-19 da Organização Mundial da Saúde. Disponível em: https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019/situation-reports/. Acesso em: 11 jun. 2020. SILVA, Joseli Maria; ORNAT, Marcio Jose; JUNIOR, Alides Baptista Chimin. Geografias feministas e pensamento decolonial: a potência de um diálogo. In: SILVA, Joseli Maria; ORNAT, Marcio Jose; JUNIOR, Alides Baptista Chimin. Diálogos ibero-latino-americanos sobre geografias feministas e das sexualidades. Ponta Grossa: TODAPALAVRA, 2017. VESENTINI, José William (2013). Novas Geopolíticas. 5ª edição. São Paulo: Editora Contexto. Elaborada por Gabriel Saldanha Lula de Medeiros. Disponível em: file:///C:/Users/ADMIN/Downloads/13791-53157-1-PB.pdf. Acesso em: 15/06/2020. ZIZEK, Slavoj. O futuro não seguirá um roteiro já imaginado por Hollywood. Disponível em: https://www.cartamaior.com.br/?/Editoria/Sociedade-e-Cult

Bibliografia Complementar:

  • ANDRADE, Manuel Correia. O Brasil e a América Latina. São Paulo, Contexto, 1999. ARRIGHI, Giovanni. O longo século XX. Rio de Janeiro: Contraponto, 2012. BARAN. Paul A. Capital monopolista: ensaio sobre a ordem econômica e social americana. Rio de Janeiro: ZAHAR, 1966. BRENNER, Jayme. Jornal do Século XX. São Paulo. Moderna, 1998. CANÊDO, Leticia Bicalho. A descolonização da Ásia e da África. Campinas: UNICAMP. CANO, Wilson. América Latina: do desenvolvimento ao neoliberalismo. Petrópolis: Vozes, 1999, p. 287-326. CANO, Wilson. Reflexões sobre o Brasil e a nova (des)ordem internacional. Campinas: Unicamp, 1993. CARLOS, Ana Fani. (org.) A Geografia na sala de aula. São Paulo: Contexto, 2009. CASTELLS, Manuel. Um Estado destituído de poder? In: O poder da identidade. A era da informação: economia, sociedade e cultura, volume II. São Paulo, Paz e Terra, 1999, p. 288-363. CASTRO, Iná Elias de. Geografia e Política. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2005, p. 163-212. CHESNAIS, François. A mundialização do capital. São Paulo: Xamã, 1996. CLAVAL, Paul. Espaço e Poder. Rio de Janeiro: ZAHAR, 1979. COSTA, Wanderley Messias da. Crise da integração e tendências geopolíticas na América do Sul. In: VASCONCELOS, Daniel Bruno. COSTA, Wanderley Messias da. Geografia e geopolítica da América do Sul: integrações e conflitos (orgs.). São Paulo: Humanitas, 2018. pp. 17- 35. COSTA, Wanderley Messias da. Geografia Política e Geopolítica. São Paulo. Hucitec/Edusp. DOWBOR, Ladislaw. Formação do 3º Mundo. São Paulo: Brasiliense, 1983. FIORI, José Luís. (org.) Estados e Moedas no desenvolvimento das nações. 2ª ed. RJ. Vozes. 1999, p. 287-326. FIORI, José Luís. (org.). O poder Americano. Rio de Janeiro, Vozes, 2005. FIORI, José Luís. O mito do colapso do poder americano. São Paulo: Editora Record, 2008. FURTADO, Celso. Subdesenvolvimento e estagnação na América Latina. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira. FURTADO, Celso. Transformações e Crise na Economia Mundial. Rio de Janeir

Turmas Ofertadas

Turma Período Vagas Matriculados Curso / Horários Professores
T51 2020 / 1 15 10 Geografia (Bacharelado - Noturno)
Horários
ManhãTardeNoite
QUA19:00 - 19:50
ROBINSON SANTOS PINHEIRO
Professor responsável pela turma

Página gerada em 25/11/2020 04:51:57 (consulta levou 0.117268s)