Nome da Atividade
TEORIA GERATIVISTA
CÓDIGO
20000539
Carga Horária
60 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
CRÉDITOS
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Os fundamentos da teoria gerativista. Da Teoria Padrão Estendida ao Programa Minimalista: breve histórico. Categorias lexicais e funcionais. Análise de fenômenos morfossintáticos do português brasileiro à luz da Teoria de Princípios e Parâmetros.

Objetivos

Objetivo Geral:

Oferecer condições aos alunos que lhes permitam:
-Estudar fenômenos sintáticos do português brasileiro à luz do Programa Gerativista de Investigação;
-Reconhecer propriedades sintáticas do português brasileiro encontradas em outras línguas naturais.

Conteúdo Programático

Unidade 1: O estudo da linguagem na perspectiva gerativista. Conceitos básicos sobre os modelos teóricos de análise propostos pelo Programa Gerativista de Investigação.
Unidade 2: :A Teoria X-Barra: a noção de constituinte; o núcleo (lexical e funcional); especificador e complemento; adjuntos.
Unidade 3: A Teoria Temática: a teoria do papel temático; os verbos inacusativos.
Unidade 4: A Teoria do Caso: a marcação canônica e excepcional de Caso; posições argumentais sem Caso; argumento interno e argumento externo; regência.
Unidade 5: A Teoria da Vinculação: propriedades da distribuição das anáforas, dos pronomes e das expressões referenciais; princípios de Vinculação; tipologia das Categorias Vazias.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • CHOMSKY, N. O Programa Minimalista. Trad. Eduardo Raposo. Lisboa: Caminho, 1999. KATO, M.; NASCIMENTO, M. (orgs). Gramática do português culto falado no Brasil: volume 2: a construção da sentença. São Paulo: Contexto, 2015 KENEDY, E.; OTHERO, G. (orgs). Sintaxe, sintaxes: uma introdução. São Paulo: Contexto, 2015 KENEDY, E. Curso básico de linguística gerativa. São Paulo: Contexto, 2016. MIOTO, C. et al. Novo Manual de sintaxe. São Paulo: Contexto, 2013.

Bibliografia Complementar:

  • CHOMSKY, N. Linguagem e Pensamento. 3.ed. Petrópolis: Vozes, 1973. CHOMSKY, N. Linguagem e mente: pensamentos atuais sobre antigos problemas. Brasília: Editora da Universidade de Brasília, 1998. GALVES, Charlotte. Ensaios sobre as gramáticas do português. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2001. LOBATO, L. Sintaxe gerativa do português – da teoria padrão à teoria da regência e ligação. Rio de Janeiro: Vigília, 1986. SILVA, Maria Cristina F. A posição sujeito no português brasileiro: frases finitas e infinitivas. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 1996.

Página gerada em 04/12/2020 12:39:41 (consulta levou 0.091081s)