Nome da Atividade
USO ENERGÉTICO DA MADEIRA
CÓDIGO
1640026
Carga Horária
68 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
CRÉDITOS
4
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Importância da madeira como fonte de energia; Características da madeira como energia; Forma de obtenção primaria de energia da madeira; Formas de obtenção secundária de energia da madeira; Principais usos do carvão vegetal; Compactação da Biomassa; Resíduos Energéticos da madeira

Objetivos

Objetivo Geral:

Oportunizar aos acadêmicos do Curso de Engenharia Industrial Madeireira conhecimentos referentes aos métodos de produção de biomassa florestal para fins energéticos

Conteúdo Programático

Unidade 1: Importância da Madeira como fonte de energia
1.1 Energia da madeira no contexto energético brasileiro e mundial
1.2 Florestas Energéticas
1.3 Principais espécies
1.4 Manejo florestal visando a produção de biomassa energética
1.5 Vantagens comparativas da madeira em relação a outras fontes de energias.
Unidade 2: Características da madeira como energia
2.1 Teor de umidade
2.2 Poder calorífico
2.3 Densidade
2.4 Cinzas
Unidade 3: Forma de obtenção primaria de energia da madeira
3.1 Principais sistemas de queima direta
Unidade 4: Formas de obtenção secundária de energia da madeira
4.1 Carbonização
4.2 Recuperação e utilização de subprodutos da carbonização;
4.3 Hidrólise
4.4 Gaseificação de lenha e carvão vegetal
Unidade 5: Principais usos do carvão vegetal
5.1 Siderurgia
5.2 Domésticos
5.3 Medicinal
Unidade 6: Compactação da Biomassa
6.1 Briquetagem da biomassa para energia
Unidade 7: Resíduos Energéticos da madeira
7.1 Resíduos Florestais
7.2 Resíduos Industriais
7.3 Extrativos de essências florestais

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • BRASIL. Ministério da Agricultura. Proposta de utilização energética de florestas e resíduos agrícolas. Brasília, 164 p.,1987
  • CORTEZ, L.A.B. & LORA, E.S. Tecnologias de Conversão Energética da Biomassa. Série Sistemas Energéticos EDUA/EFEI, Manaus, 1997, 527 p
  • LORA, E. E. S.; ANDRADE, R. V. Geração de energia e gaseificação de biomassa. Biomassa & Energia, Viçosa, v. 1, n. 3, p. 311-320, 2004. NOGUEIRA, L. A. H. et al. Dendroenergia: Fundamentos e aplicações. Brasília: ANEEL, 2000. 144 p
  • ROCHA, M. P.; KLITZKE, R. J. Energia da Madeira - Universidade Federal do Paraná - Setor de Ciências Agrárias. Departamento de Engenharia e tecnologia rural. Curitiba, 1998. 86p.BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR: BRASIL – MME/CNE. Balanço energético nacional. Brasília: MME/CNE, 2007.

Bibliografia Complementar:

  • BRASIL – MME/CNE. Balanço energético nacional. Brasília: MME/CNE, 2007.
  • BRITO, J,O; BARRICHELLO, L,E,G. Balanço Energético Nacional. Correlação entre características físicas e químicas da madeira e a produção de carvão vegetal. MINISTÉRIO DAS MINAS E ENERGIA. In.:Seminário de abastecimento energético industrial com recursos florestal, São Paulo, 1982.
  • CENTRO TECNOLÓGICO DE MINAS GERAIS. Uso da Madeira para Fins Energéticos. SPT 001, Belo Horizonte, 1980. 158p
  • CENTRO TECNOLÓGICO DE MINAS GERAIS. Gaseificação da Madeira e Carvão Vegetal. SPT 004, Belo Horizonte, 1981. 131p.

Página gerada em 04/12/2023 16:55:41 (consulta levou 0.063353s)