Nome da Disciplina
CINEMA, DESIGN, CULTURA E IMAGINÁRIO
CÓDIGO
1440112
Carga Horária
68 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%

Ementa

Conceitos relacionados à cultura e ao imaginário a partir das imagens técnicas, da arte e da estética no contexto da teoria e da prática do cinema e do design.

Objetivos

Objetivo Geral:

Promover a ampliação da reflexão sobre as práticas do cinema (e do design) a partir de um estímulo da percepção das relações entre cultura e imaginário tanto como contexto para o cinema e o design quanto como resultado simbólico dessas práticas.

 

Objetivos Específicos:

Discutir os conceitos relacionados à cultura e ao imaginário a partir das imagens técnicas, da arte e da estética no contexto da teoria e da prática do cinema e do design;

Permitir o contato dos estudantes com a discussão teórica acerca da cultura e do imaginário pelas perspectivas dos estudos de cultura e imaginário;

Estimular a compreensão das complexidades das práticas culturais, tendo como caminho de observação seu desenvolvimento a partir de relações de produção e consumo de bens culturais relacionados ao design e ao audiovisual.

Conteúdo Programático

Introdução aos estudos culturais e do imaginário e seus conceitos
Relações da cultura e do imaginário com o audiovisual e o design
Identidade, gênero, etnicidade, o espaço urbano e a nação no audiovisual e no design
Modernidade e Pós-Modernidade
Teorias do imaginário
Cultura popular e imaginário
Imaginário, imagem e memória

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • AUMONT, Jacques et al. A estética do filme. 6. ed. Campinas: Papirus, 2008. [ 791.4301 E824 / 6.ed. (BCS) / 8 exemplares ] BOURDIEU, Pierre. O poder simbólico. 9. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2006. [ 301 B769p (BCS) / 3 exemplares ] DUBOIS, Philippe. Cinema, vídeo, Godard. 2a. Ed. São Paulo: Cosac & Naify, 2011. [ 791.43 D816c 2011 (BCS) / 3 exemplares ] DURAND, Gilbert. As estruturas antropológicas do imaginário: introdução a arquetipologia geral. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2002. [ 128.3 D948e 3.ed. (BCS) / 13 exemplares ] DURAND, Gilbert. A imaginação simbólica. Lisboa: Edições 70, 2000. [ 153.3 D946i (BCS) / 1 exemplar

Bibliografia Complementar:

  • AUMONT, Jacques; MARIE, Michel. Dicionário teórico e crítico de cinema. 5. ed. Campinas: Papirus, 2012. [ R 791.4303 A925d 5.ed. (BCS) / 3 exemplares ] BARTHES, Roland. O óbvio e o obtuso: ensaios críticos III. Trad. Lea Novaes. Rio de. Janeiro: Nova Fronteira, 1990 [ 844 B285o (BCP) / 3 exemplares ] BHABHA, Homi K. O local da cultura. Belo Horizonte: UFMG, 2007. [ 820 B575l (BCP) / 14 cópias ] BOURDIEU, Pierre. A dominação masculina. 12. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2014. [ 306.7 B769d 12.ed. (BCS) / 3 exemplares ] BOURDIEU, Pierre. A economia das trocas simbólicas. 3a. Ed. São Paulo, Perspectiva, 1992. [ 300.8 E82 3.ed. (BCS) / 3 exemplares ]

Página gerada em 16/12/2018 04:34:11 (consulta levou 0.064689s)