Nome da Atividade
UNID CUIDADO ENFERMAGEM V- ADULTO FAMÍLIA B
CÓDIGO
0540164
Carga Horária
306 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
18
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
14
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
18
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
Avança, Retém,
Infrequente

Ementa

Estudo teórico-prático possibilitando ao aluno habilidades e competências para planejar,
desenvolver e avaliar as ações de cuidado individual e coletivo (adulto e família) voltadas para a
promoção da saúde, prevenção e tratamento de agravos clínicos e cirúrgicos do adulto, inserido
no contexto hospitalar compreendendo a enfermagem como parte do trabalho em saúde,
pautando-se em princípios éticos, legais e científicos por meio da sistematização da assistência de
enfermagem (SAE) e da Política Nacional de Humanização (PNH).
Ementa Síntese: Proporcionar ao aluno discussão das vivências da pratica articulado à
teoria com troca de saberes dos diversos cenários, norteado pela sistematização da assistência de
enfermagem ao adulto em condições clínicas e cirúrgicas e sua família no contexto hospitalar.

Objetivos

Objetivo Geral:

Cuidado às necessidades individuais em saúde
Cuidado às necessidades coletivas em saúde
Gestão: Organização do trabalho em saúde
Investigação cientifica
Comprometimento ético-político
 Identifica e atende as necessidades humanas básicas do adulto hospitalizado em situação
clínica e/ou cirúrgica e sua família, considerando a organização e o contexto hospitalar
para avaliar, elaborar e executar o plano de cuidados por meio da SAE.
 Planeja, desenvolve e avalia as ações de caráter individual e coletivo voltadas para a
promoção da saúde, prevenção e tratamento de agravos clínicos e cirúrgicos do adulto,
inserido no contexto hospitalar.
 Compreende a enfermagem como parte do trabalho em saúde, pautada em princípios
éticos, legais, científicos e de humanização.
 Realiza investigação permanente (buscas) e o Estudo de Caso a fim de subsidiar a plano de
intervenção de enfermagem.

 

Objetivos Específicos:

Conhece e avalia as condições do adulto hospitalizado com afecções clínicas e/ou
cirúrgicas;
 Planeja e implementa as intervenções de enfermagem, considerando as condições
familiares, biopsiquicas, socioeconômicos, culturais e ambientais;
 Caracteriza o contexto e as condições de vida do adulto hospitalizado e família, no
planejamento da alta hospitalar contemplando o sistema de referencia e contra referência.
 Aplica medidas de biossegurança (precauções padrão) individual, profissional e com o adulto hospitalizado.
 Realiza cuidados de enfermagem utilizando técnicas assépticas e seguras, fundamentado na evidência científica.
 Atenta para as questões éticas e legais no exercício da profissão.
 Conhece as normas e rotinas da unidade e atua respeitando os direitos e deveres do adulto hospitalizado;
 Revisa o prontuário do adulto hospitalizado visando subsidiar a sua prática;
 Desenvolve a capacidade de comunicação oral, escrita e não verbal;
 Correlaciona a dinâmica da unidade de internação com os demais serviços da instituição;
 Identifica a condição sócio-familiar e o grau de dependência do adulto hospitalizado;
 Estabelece relações interpessoais terapêutica com o adulto e familiares;
 Orienta a família sobre os aspectos educacionais necessários à manutenção/promoção da saúde do adulto hospitalizado;
 Realiza encaminhamentos e divulga aos pacientes e familiares os programas de apoio que
por ventura a instituição possa oferecer;
 Realiza buscas científicas em fontes seguras e atualizadas relacionadas às necessidades
do adulto, família e comunidade, para subsidiar e sua prática e as etapas da SAE.
 Constrói estudo de caso e portfólio, com buscas e de acordo com instrumento (roteiro)
 da FEN;
 Compartilha e promove discussão sobre os conhecimentos adquiridos com os colegas.
 Compromete-se e responsabiliza-se a respeitar pactuações, como assiduidade,
pontualidade, responsabilidade, buscas qualificadas.

Conteúdo Programático

f

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • DOENGES, M.; MOORHOUSE, MF.; MURR, AC. Diagnósticos de Enfermagem: intervenções, prioridade, fundamentos. 12.a Ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2011. FIGUEIREDO, NMA.; et al. Enfermagem Oncológica: conceitos e práticas. 1ª. Ed. São Caetano do Sul, SP. Yendis Editora, 2009. INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER, José Alencar Gomes da Silva. Coordenação Geral de Ações Estratégicas. Coordenação de Prevenção e Vigilância. Estimativa 2012 : incidência de câncer no Brasil / Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, Coordenação Geral de Ações Estratégicas, Coordenação de Prevenção e Vigilância. – Rio de Janeiro : INCA, 2011. 118 p. Disponível em http://www.inca.gov.br/estimativa/2012/ INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER (BRASIL). Ações de enfermagem para o controle do câncer: uma proposta de integração ensino-serviço. / Instituto Nacional de Câncer. – 3. ed. rev. atual. ampl. – Rio de Janeiro: INCA, 2008. 628 p. Disponível em < http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/acoes_enfermagem_controle_cancer.pdf MOHALLEN; RODRIGUES. Enfermagem oncológica. Barueri SP: Manole Editora, 2007. NANDA INTERNACIONAL. Diagnósticos de Enfermagem da NANDA: Definições e Classificação 2012/2014. Artmed, Porto Alegre, 2012. NETTINA, Sandra. Prática de Enfermagem. Vol. 1 e 2. 8. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2007. POTTER, Patrícia A.; PERRY, Anne. G. Grande tratado de enfermagem: prática clínica e hospitalar. São Paulo: Tempo, 1996. SMELTZER, S.; BARE, S. G. Brunner & Suddarth: Tratado de enfermagem medicocirúrgica. 12ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2011. vol. 1 e 2.

Bibliografia Complementar:

  • ATKINSON, Leslie D.; MURRAY, Ellen M. Fundamentos de Enfermagem: introdução ao processo de enfermagem. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1989. CAMPOS, Gastão Wagner; et al. Tratado de Saúde Coletiva. 1ªed. São Paulo: Hucitec, 2006. CARPENITO, L. J. Diagnóstico de enfermagem: aplicação à prática clínica. 6. ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997. KURGANT, Paulina (org). Gerenciamento em Enfermagem. Rio de Janeiro: Guabara Koogan, 2005. LeMONE, Priscilla; LILLIS, Carol; TAYLOR, Carol Fundamentos de Enfermagem : A Arte e a Ciência do Cuidado de Enfermagem – editora: ARTMED 3ª Ed. 2007. ROGANTE, M.M.; FURCOLIN, M. I. R. Procedimentos especializados. São Paulo: Atheneu, 2000. 227p.

Página gerada em 17/08/2022 12:54:11 (consulta levou 0.110515s)