Nome da Disciplina
CORPO, DANÇA E BRASILIDADE
CÓDIGO
05000911
Carga Horária
60 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
3
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
1
CRÉDITOS
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Formação cultural do Brasil: índios, europeus, negros e outros coletivos. Percepção da Diversidade Étnica na Constituição da Corporeidade Brasileira. Introdução ao trabalho téorico-prático sobre corporeidade indígena e afro-brasileira por meio das danças.
Estéticas e Técnicas no Ensino das danças indígenas e afro-brasileiras. Experimentação e Composição Coreográfica.

Objetivos

Objetivo Geral:

- Problematizar a condição de corpo brasileiro, refletindo sobre a diversidade da constituição cultural do país e seus desdobramentos na corporeidade, na arte e, especificamente, na dança;
- Contextualizar aspectos históricos da formação étnico-cultural nacional, problematizando a inserção das temáticas das culturas afro-brasileira e indígena no cenário contemporâneo;
- Estudar as estéticas provenientes das corporeidades brasileiras tematizadas prioritariamente a partir de danças, festas, folguedos, cortejos e ritos;
- Apresentar propostas de danças provenientes das matrizes étnicas afro-brasileira e indígena, mediante uma abordagem teórico-prática, tomando por base seus princípios técnicos e seus modos de organização corporal e propondo estratégias e metodologias
de ensino associadas às danças trabalhadas na disciplina;
- Proporcionar e estimular a apreciação estética das danças afro-brasileiras e indígenas, com vistas à inserção das mesmas no ambiente escolar;
- Cumprir com as exigências legais de inserção dos conteúdos de cultura afro-brasileira e indígena nos cursos de licenciatura, conforme dispositivos que regem as leis 10.639 e 11.645.

Conteúdo Programático

Formação cultural do Brasil: índios, europeus, negros e outros coletivos
Corpo, Dança e a Diversidade Cultural Brasileira na Escola
Miscigenação na Corporeidade das Danças Nacionais
Corporeidade indígena e afro-brasileira: ritos, festas, folguedos, cortejos e outras
expressões culturais
Estéticas e Técnicas das danças indígenas e afro-brasileiras
Composição Coreográfica de danças de matriz afro-brasileira e indígena

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • BRASIL. Lei n.º 11.645, de 10 de março de 2008. Altera a Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, modificada pela Lei no 10.639, de 9 de janeiro de 2003, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para incluir no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena”. Diário Oficial da União, Brasília, DF. Disponível em:
  • GREINER, Christine. O corpo: pistas para estudos indisciplinares. 3.ed. São Paulo: Annablume, 2008.
  • LE BRETON, David. Antropologia do corpo e modernidade. 2.ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2012.
  • LE BRETON, David. A sociologia do corpo. 3.ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2009.
  • MEDINA, João Paulo S. O brasileiro e seu corpo. 12.ed. Campinas, SP: Papirus, 1990
  • RIBEIRO, Darcy. O povo brasileiro: a formação e o sentido do Brasil. 3.ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1995

Turmas Ofertadas

Turma Período Vagas Matriculados Curso / Horários Professores
M1 2019 / 2 25 18 Dança (Licenciatura)
Horários
ManhãTardeNoite
TER13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
MANOEL GILDO ALVES NETO
Professor responsável pela turma

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
CORPO VOCAL I Dança (Licenciatura)

Página gerada em 13/12/2019 01:22:13 (consulta levou 0.138421s)