Nome da Disciplina
CARACTERIZAÇÃO DE RESERVATÓRIOS
CÓDIGO
15000503
Carga Horária
90 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA EXERCÍCIOS
2
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
6
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
2
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
2
CRÉDITOS
6
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Bases conceituais da classificação e da caracterização de reservatórios. Métodos determinísticos e probabilísticos de modelagem. Construção de mapas e perfis de espessura porosa com óleo e/ou gás, de razão granulométrica, de contorno estrutural e de fácies. Geoestatística aplicada na caracterização de reservatórios. Parâmetros de correlação e agrupamento entre variáveis. Quantificação da incerteza. Classificação de recursos e reservas

Objetivos

Objetivo Geral:

Compreender e aplicar as principais técnicas e métodos utilizados na caracterização de reservatórios.

 

Objetivos Específicos:

O aluno deverá adquirir conhecimentos e habilidades para integrar dados de reservatório e construir modelos de litofácies e petrofísicos através de métodos clássicos e geoestatísticos

Conteúdo Programático

1) Histórico e noções de caracterização de reservatórios.
2) Métodos tradicionais e geoestatísticos de estimativa.
3) Construção de mapas e perfis de espessura porosa com óleo e/ou gás, de razão granulométrica, de permeabilidade, de contorno estrutural e de fácies.
4) Problemas e métodos de integração de dados de reservatórios.
5) Parâmetros de correlação entre variáveis petrofísicas.
6) Métodos de incorporação e combinação de informações secundárias.
7) Quantificação da incerteza: estimativa versus simulação
8) Determinação de hidrocarbonetos “in place” e princípios de engenharia de reservatórios.
9) Bases conceituais da classificação de recursos e reservas. Apresentação das normas e sistemas de classificação.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • CAERS, J. 2005. Petroleum Geostatistics. Richardson, Texas: Society of Petroleum Engineers (USA), 88 p.
  • COOMBES, J. 2008. The art and science of resource estimation: a practical guide for geologists and engineers. Coombes capability, Perth (Austrália), 231 p.
  • DEUTSCH, C.V. 2002. Geostatistical reservoir modeling Oxford University Press, V (USA), 376 p.
  • HOHN, M.E. 1999. Geostatistics and petroleum geology. 2nd ed. Kluwer Academic Press, Dordrecht (Alemanha) 235 p
  • KELKAR, M. & PEREZ, G. Applied geostatistics for reservoir characterization. Richardson, Texas: Society of Petroleum Engineers (USA), 264 p.
  • LANDIM, P. M. B. 2011. Análise estatística de dados geológicos multivariados. Oficina de Textos, São Paulo (Brasil), 208p.

Bibliografia Complementar:

  • CAERS, J. 2011. Modeling uncertainty in the earth sciences. John Wiley & Sons, Oxford (UK), 229 p.
  • CHILÈS, J.P. 1999. Geostatistics: modeling spatial uncertainty. Wiley-Interscience, New York (USA), 695 p.
  • DAVID, M. 1977. Geostatistical ore reserve estimation. Elsevier, 364p.
  • JOURNEL, A.G. & KYRIAKIDIS, P.C. 2004. Evaluation of mineral reserves: a simulation approach. Oxford University Press, New York (USA), 216 p.
  • WACKERNAGEL, H. 1998. Multivariate Geostatistics: An Introduction with Applications. Springer-Verlag, Berlin, 291p.

Página gerada em 22/09/2019 15:49:24 (consulta levou 0.149889s)