Nome da Atividade
CINESIOTERAPIA
CÓDIGO
07950092
Carga Horária
45 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
3
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
1
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
2
CRÉDITOS
3
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Compreensão e aplicação de métodos e técnicas de cinesioterapia na prevenção, recuperação e manutenção das funções cinestésicas dos aparelhos musculoesquelético, neuromotor e cardiorrespiratório.
Os projetos de extensão vinculados a este componente curricular são: TOReab (2860), LIATO (2902).

Objetivos

Objetivo Geral:

Capacitar o aluno a conhecer, avaliar e definir a técnica correta a ser utilizada nas diferentes situações em que a cinesioterapia ou exercícios terapêuticos sejam indicados.
Introduzir os conceitos dos principais recursos terapêuticos.
Entender como os recursos cinesioterápicos são aplicados nas intervenções de Terapia Ocupacional:
I) identificar os problemas onde o procedimento terapêutico seja aplicável;
II) avaliar corretamente a necessidade da utilização do procedimento terapêutico;
III) conhecer os benefícios da utilização destes procedimentos terapêuticos;
IV) executar com destreza as técnicas básicas utilizadas por este procedimento terapêutico.
Espera-se também que os alunos ao final da disciplina tenham uma visão geral dos conhecimentos relacionados a cinesioterapia

Conteúdo Programático

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • VASCONCELOS, Mary Helena. Cinesioatividade. Fortaleza: Universidade de Fortaleza, 1991. 80p.
  • KENDALL, Florence Peterson. Músculos - provas e funções. 5ª ed. São Paulo: Manole, 2007.
  • KISNER, Carolyn; COLBY, Lynn Allen. Exercícios terapêuticos: fundamentos e técnicas. 5.ed. Barueri: Manole, 2009.

Bibliografia Complementar:

  • VASCONCELOS, Mary Helena. Cinesioatividade: espaço de reeducação funcional para disfunção neuromotora em adultos. Revista Brasileira em Promoção da Saúde, v. 17, n. 3, p. 149-153, 2004.
  • TROMBLY, Catherine Anne; RANDOMSKI, Mary Vining. Terapia ocupacional para disfunções físicas. 5. ed. São Paulo: Santos, 2005. 1157 p.
  • NORKIN, C. C., WITHE, D. J. Medida do Movimento Articular: Manual de Goniometria. 2ª ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.
  • HOUGLUM, Peggy A. Exercícios terapêuticos para lesões musculoesqueléticas. Barueri, SP. 3ª ed. 2015.
  • TYLDESLEY, Barbara; GRIEVE, June I. Músculos, nervos e movimento na Atividade humana. 3ª edição. Livraria Santos Editora. 2006.

Página gerada em 17/05/2021 18:49:12 (consulta levou 0.122256s)