Nome da Atividade
FLAUTA DOCE III
CÓDIGO
05001072
Carga Horária
30 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
2
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
2
CRÉDITOS
2
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Desenvolvimento das habilidades técnico-musicais para a execução da Flauta Doce
Contralto com aprofundamento dos aspectos técnicos musicais (postura, a
sonoridade, afinação). Interpretação de repertório variado que abrange músicas de
diferentes lugares; estilos e períodos históricos sendo este original para flauta doce ou
adaptado.

Objetivos

Objetivo Geral:

OBJETIVO GERAL
Desenvolver habilidades técnico-musicais básica para o aprendizado da Flauta Doce
com ênfase no estudo da Flauta Doce Contralto.

Conteúdo Programático

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • VIDELA, Mario A. Método completo para flauta dulce contralto. Tomo1. Buenos Aires: Melos, 2010.
  • LANDIM, Betiza Fernandes; CUNHA, Daniela Carrijo Franco. Projeto Duobrasil Música Erudita Brasileira para Flauta Doce e Piano. Uberlândia: Editora Zardo Ltda, 2006.
  • SONATAS: TELEMANN, BARSANTI, BIBAGLIA, HÄNDEL, Peças de VAN EYCKE, LACERDA, HAYDN

Bibliografia Complementar:

  • CARPENA, Lucia Becker (org.). Prata da Casa: obras para flauta doce escritas por compositores ligados à UFRGS. Porto Alegre: UFRGS, 2014.
  • MONKEMEYER, Helmut. Método para Flauta Doce Contralto. São Paulo: Ricordi do Brasil, 1997.
  • MEIER, Brigitte e ZIMMERMANN, Manfredo. Spielen und Musizieren Spielstücke für 2 und 3 Altblockeflöten. Band 2. München: Ricordi, s/d.
  • SOUZA, Jusamara (org.). Arranjos de músicas folclóricas. Porto Alegre: Sulina, 2005.
  • WEILAND, Renate; SASSE, Ângela; WEICHSELBAUM, Anete. Sonoridades Brasileiras: método para flauta doce soprano. Curitiba: Editora DeArtes – UFPR, 2009.

Página gerada em 27/09/2021 07:39:53 (consulta levou 0.053362s)