Nome da Disciplina
ETNOLOGIA AFRO-AMERICANA I
CÓDIGO
0720152
Carga Horária
68 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Afro-descendentes e Estado-Nação na América Latina; pósabolição e cidadania; paradigmas teóricos sobre a diversidade étnico-racial.

Objetivos

Objetivo Geral:

- Apresentar e debater sobre as diversas perspectivas teóricas que buscam explicar a incorporação dos segmentos afrodescendentes nas sociedades latino-americanas pós-coloniais, especialmente Brasil;
- Discutir sobre o impacto de tais teorias na conformação das identidades nacionais, constituídas no bojo de lutas narrativas, contemplando-se na discussão uma perspectiva histórica.

 

Objetivos Específicos:

NÃO CONSTA

Conteúdo Programático

1. Constituição dos Estado-nações e afro-descendentes na América Latina
2. Teorias raciológicas e ideologia do branqueamento: Nina Rodrigues, Silvio Romero, Oliveira Vianna, Manuel Bonfim
3. O paradigma culturalista: mestiçagem e hibridização/crioulização: Richard Price, Arthur Ramos, Gilberto Freyre e outros.
4. Os estudos da UNESCO no Brasil e a “escola paulista”
5. A problemática da desigualdade racial e o retorno da “raça” como categoria social e analítica
6. Nação e alteridades “raciais” na América Latina

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • ANDREWS, George Reid. América Afro-latina, 1800-2000. São Carlos: Edufscar, 2007.
  • ARAÚJO, Ricardo Benzaquen de. Guerra e paz: casa-grande & senzala e a obra de Gilberto Freyre nos anos 30. São Paulo: Editora 34, 1994.
  • AZEVEDO, Thales de. Cultura e situação racial no Brasil. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1966.

Bibliografia Complementar:

  • ANTÓN, Jhon; POPOLO, Fabiana Del. Visibilidad estadística de la población afrodescendiente de América Latina: aspectos conceptuales y metodológicos (Versión preliminar). Santiago de Chile: CEPAL, 2008.
  • BARBARY, Olivier; URREA, Fernando. La población negra en la Colombia de hoy: dinámicas sociodemográficas, culturales y políticas. Estudos Afro-asiáticos, v. 25, n.1. Rio de Janeiro, 2003.
  • COSTA, Sérgio. Dois Atlânticos: teoria social, anti-racismo, cosmopolitismo. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2006.
  • CUNHA, Olívia Maria Gomes da. Sua alma em sua palma: identificando a “raça” e inventando a nação. In: PANDOLFI, Dulci (org.). Repensando o Estado Novo. Rio de Janeiro: Editora da FGV, 1999.
  • GARCÍA, Jesus 'Chucho'. Deconstrucción, transformación y construcción de nuevos escenarios de las prácticas de la Afroamericanidad. In: MATO, Daniel (org.). Estudios latinoamericanos sobre cultura y transformaciones sociales en tiempos de globalización 2.

Página gerada em 23/10/2019 23:08:30 (consulta levou 0.090360s)