Nome da Disciplina
ZOONOSES ADM.SANITÁRIA SAÚDE PÚBLICA
CÓDIGO
0520030
Carga Horária
68 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
2
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
2
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Exercitar a aplicabilidade da Epidemiologia das Zoonoses em Problemas Sanitários Animais e de Saúde Pública. Vivenciar a interação ecológica no processo saúde- enfermidade. Adquirir habilidades na aplicação do método epidemiológico em populações. Planejar, executar e participar de projetos que visem a defesa do meio ambiente, da saúde pública e do bem-estar social. Relacionar-se adequadamente com os diversos segmentos sociais e em equipes multidisciplinares.

Objetivos

Objetivo Geral:

Conteúdo Programático

1.1. Classificação das zoonoses
1.2. Conseqüência das zoonoses em saúde pública e saúde animal
1.3. Fatores que influenciam na propagação das zoonoses
1.4. Instrumentos de gestão para a planificação e execução de programas de luta anti-zoonótica
1.5. Painel com autoridades sanitárias do Município
2 ZOONOSES PARASITÁRIAS
2.1. Hidatidose
2.2. Toxoplasmose
2.3. Teníase/Cisticercose
2.4. Tungíase
2.5. Mal de Chagas
2.6. Esquistomosomose
3 ZOONOSES BACTERIANAS
2.7. Larva Migrans
3.1. Leptospirose
3.2. Tuberculose
3.3. Brucelose
3.4. Carbúnculo
3.5. Tétano
3.6. Intoxicações alimentares
4 ZOONOSES VIRAIS
4.1. Raiva
4.2. Encefalomielite Eqüina
4.3. Dengue
4.4. Febre Amarela
5 METODOLOGIA DE ESTUDO DAS ZOONOSES
5.1. CONCEITUAÇÃO
5.1.1. Características fundamentais da doença
5.1.2. Distribuição espacial e temporal
5.1.3. Freqüência de ocorrência
5.1.4. Conseqüência econômico-sociais
5.2. ETIOLOGIA
5.2.1. Características intrínsecas do agente
a) Morfologia
b) Composição química
c) Características tintoriais e culturais
d) Sistemas biológicos para isolamento do agente
e) Vulnerabilidade e/ou resistência a quimioterápicos e desinfetantes
5.2.2. Características do agente relacionadas aos hospedeiros (homem/animais)
a) Antigenicidade
b) Infectividade
c) Patogenicidade
d) Virulência
5.3. FATORES CONDICIONANTES
5.3.1. Componentes físicos de ambiente associados com a presença ou ausência da doença
5.3.2. Componentes biológicos do ambiente associados com a presença ou ausência da doença
5.3.3. Componentes econômico-sociais de ambiente relacionados com a presença ou ausência da doença
5.4. HOSPEDEIROS
5.4.1. Essenciais ou Preferenciais – primários; intermediários
5.4.2. Secundários
5.4.3. Acidentais ou Terminais
5.4.4. Patogenis - Período de incubação
- Período de pré-patência
- Período de transmissibilidade
- Lesões
- Sinais e sintomas
- Evolução clínica individual e populacional
5.5. CADEIA EPIDEMIOLÓGICA
5.5.1. Pontos de infecção
5.5.2. Vias de eliminação do agente
5.5.3. Vias de transmissão do agente
5.5.4. Vias de penetração do agente
5.6. RECURSOS DIAGNÓSTICOS DISPONÍVEIS
5.6.1. Diagnóstico Epidemiológico
5.6.2. Diagnóstico Clínico
5.6.3. Diagnóstico Anatomopatológico (necroscópico)
5.6.4. Diagnóstico Laboratorial
5.7. MÉTODOS DE COMBATE
5.7.1. Preventivos
a) Quarentena
b) Imunização Coletiva
c) Higiene Ambiental
d) Educação Sanitária
e) Quimioprofilaxia
Diagnóstico Precoce
5.7.2. MÉTODOS DE CONTROLE
a) Desinfecção
b) Isolamento
c) Interdição
d) Vacinação Estratégica
e) Diagnóstico e Sacrifício
f) Controle de Vetores e Reservatórios
g) Quimioterapia
5.7.3. MÉTODOS DE ERRADICAÇÃO
a) Rifle Sanitário
b) Eliminação de Vetores
c) Eliminação de Reservatórios

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • Acha, P.N & Szyfres, B. - Zoonosis y enfermedades transmissibles comunes al hombre y a los animales. 2ª Edición. Publicación Científica nº 503, OPS/OMS, 989 p.,1986
  • Correa, W.M, e Correa, C.N.M. - Enfermidades Infecciosas dos mamíferos domésticos. J.M. Varela, São Paulo, 823 p., 1979
  • http//www.funasa.gov.br/pub/GVE/GVE001D.htm - Guia de Vigilância Epidemiológica
  • Steele, J.H. - CRC Handbook Series in Zoonoses. CRC Press Inc., Boca Raton, Flórida. Vol. I, Section A: Bacterial, Ricketsial and Mycotic Diseases, 643 p., 1979

Bibliografia Complementar:

  • Benenson, A.S. - Controle das doenças transmissíveis no homem. 13ª Edição. Publicação Científica nº 442, OPS/OMS, 420 p., 1983.
  • Bruner, D.W. and Gillespie - Hagan's Enfermedades infecciosas de los animales domésticos, 3ª Edición, La Prensa Médica Mexicana, 1040 p., 1970.
  • www.cdc.gov
  • www.oie.int
  • Steele, J.H. - CRC Handbook Series in Zoonoses. CRC Press Inc., Boca Raton, Flórida. Vol. II, Section A: Bacterial, Ricketsial and Mycotic Diseases, 568 p., 1979
  • Steele, J.H. - CRC Handbook Series in Zoonoses. CRC Press Inc., Boca Raton, Flórida. Vol. I, Section B: Viral Zoonoses, 510 p., 1979
  • Steele, J.H. - CRC Handbook Series in Zoonoses. CRC Press Inc., Boca Raton, Flórida. Vol. II, Section B: Viral Zoonoses, 488 p., 1979
  • Voigt, A. y Kleine, F.D. - Zoonosis. Ed. Acribia - Zaragoza, 351 p., 1975

Página gerada em 09/12/2019 21:48:32 (consulta levou 0.076933s)