Nome do Projeto
A construção de banco de dados de minerais e rochas para contribuir no ensino geocientífico
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
18/04/2016 - 16/12/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Resumo
A natureza do Projeto iniciou com uma reflexão crítica dos discentes e coordenador sobre o aprimoramento do processo de aprendizagem dos alunos dos cursos de Engenharia Geológica e Engenharia do Petróleo nas disciplinas de Mineralogia, Petrologia Ígnea, Petrologia Metamórfica e Petrologia Sedimentar, disciplinas básicas para o entendimento do saber geológico. Salienta-se que outros cursos da área das Engenharias, bem como das Ciências Agrárias e Biológicas, também necessitam do aprendizado da mineralogia para suas formações. A mineralogia e as petrologias concentram-se em descrições de minerais e rochas, tanto de suas composições, como texturas, formas, interações e modificações dos processos geológicos que atuam sobre estes minerais e rochas. A identificação se faz macroscopicamente por meio de estereocópios binoculares e análises de lâminas petrográficas utilizando microscópios de luz refletida e transmitida. A partir da identificação da dificuldade de aprendizado dos alunos propomos a criação de um banco de dados de identificação de minerais e rochas, por meio de fotos digitalizadas e descrições detalhadas com as características físico-químicas das rochas e minerais do acervo das amostras macroscópicas e lâminas delgadas contidos no laboratório de mineralogia do curso de Engenharia Geológica da UFPel e da coleção particular do professor coordenador.

Objetivo Geral

a) Melhoria da qualidade do processo de entendimento das disciplinas que utilize a mineralogia como base para aplicação no entendimento geológico.
b) Criação de um banco de dados por meio de fotos e descrições das características geológicas e físico-químicas, para melhorar a caracterização dos minerais e rochas já contidas e as futuras amostras inseridas no laboratório da engenharia geológica desta instituição de ensino.
c) Inserção e protagonismo dos discentes participantes na descrição deste banco de dados, contribuindo na formação acadêmica profissional do mesmo através de experiências orientadas.
d) Inserção da comunidade em geral, disponibilizando online o conteúdo, introduzindo os minerais e rochas em uma plataforma agradável aos usuários e existindo a possibilidade de juntar banco de dados de outros professores, alunos e profissionais da área.

Justificativa

Hoje em dia a ciência computacional está cada vez mais desenvolvida, a parte de processamento e reconhecimento de imagem digital é de grande auxilio nas suas áreas correlacionadas. Existem alguns bancos de dados com informações mineralógicas no Brasil, mas as imagens que estão disponíveis são, em geral, genéricas e ilustrativas, causando confusão para usuários no reconhecimento de suas amostras reais, além disso, essa ferramenta só é eficaz para usuários que já possuam certo nível de conhecimento. Pretende-se criar um banco de dados com imagens e informações relacionadas com as amostras do curso de Engenharia Geológica da UFPel, com o intuito de melhorar o aprendizado das disciplinas de Mineralogia e Petrologias.

Metodologia

Inicialmente será feita a aquisição de fotos das amostras macroscópicas e laminas petrográficas pertencentes do curso superior de engenharia geológica- UFPEL, com possibilidade de expansão do banco de dados com outras universidades ou instituições. Após este processo será feito uma descrição detalhada dos tipos minerais que são encontrados nas lâminas.
As ferramentas utilizadas inicialmente serão uma câmera digital, um microscópio de luz refletida e transmitida, um computador e softwares livres para visualização das imagens.
As imagens e as descrições serão organizadas em um banco de dados, classificados conforme a lâmina utilizada, a data, tipo de rocha (ígnea, metamórfica, sedimentar) e mineral. Esse banco de dados será usado para um algoritmo de inteligência artificial para que consiga classificar, corretamente, novas imagens, enviadas pelo usuário na plataforma digital, de acordo com suas características minerais. A plataforma digital será um portal online onde o usuário consiga subir suas fotos de minerais ou consultar o banco de dados existente. Este portal será vinculado ao curso superior de Engenharia Geológica da Universidade Federal de Pelotas, possibilitando a inserção de outros dados, melhorando a qualidade das respostas do algoritmo. A escolha do meio de inserção dos dados na plataforma online será decidida conforme o andamento do projeto, e a que melhor responder ao objetivo proposto.

Resultados Esperados

O banco de dados poderá ser aplicado nas aulas de mineralogia, petrologias, depósito mineral, e outras ciências geológicas, como uma ferramenta de auxílio aos alunos e comunidade interessada.
O banco de dados vai ser disponibilizado em um servidor com o intuito de estar sendo atualizado com o auxilio dos alunos da UFPel e de outras instituições.
Treinamento dos integrantes na descrição das lâminas de rochas e ajudando na preparação para o mercado de trabalho ou pesquisa.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ARIELA DOS SANTOS BARBOSA401/07/201628/07/2017
ATILA DA SILVA MARTINS201/07/201628/04/2017
DANIEL XIE WANG2018/04/201628/04/2017
EVALDO RODRIGUES SOARES218/04/201616/12/2017
HENRIQUE PEREIRA BORGES818/04/201616/12/2017
MARCELO ARRACHE ALVES2018/04/201631/12/2016
MARILTON SANCHOTENE DE AGUIAR218/04/201616/12/2017
MARINA MACHADO201/07/201616/12/2017
VITER MAGALHAES PINTO218/04/201616/12/2017

Página gerada em 23/10/2019 23:34:24 (consulta levou 0.059205s)