Nome do Projeto
II Ciclo de Palestras “Veterinário na Saúde Pública: Você encara esse desafio?
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
15/04/2016 - 31/12/2016
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Resumo
De acordo com Pfuetzenreiter et al. (2004), uma das áreas da medicina veterinária voltadas ao coletivo é a saúde pública veterinária, primeiramente desenvolvida por meio da higiene de alimentos. Ainda, é importante destacar o que discute Pfeiffer (2010), ou seja, a necessidade de incorporar a vigilância e investigação de agravos em humanos e animais, num contexto da “uma só saúde”, principalmente considerando que a maior parte das doenças em humanos têm animais envolvidos em seu ciclo epidemiológico. Ainda neste contexto, a recente ênfase na questão sanitária no comercio nacional e internacional de produtos de origem animal e atenção a saúde pública veterinária, desenvolvido a partir da crescente dificuldade no controle de zoonoses e outras doenças transmitidas por vetores, como a recente pandemia de influenza aviaria e epidemia de Ebola, na África, dengue, zica e leishmaniose visceral no Brasil, tem alçado a medicina veterinária a uma local de destaque na saúde pública no âmbito nacional e internacional. Assim, considerando que a preservação da saúde humana se dá através da saúde pública, é importante o entendimento desse assunto por toda a população, mas principalmente por parte dos estudantes da área da saúde, incluindo-se os estudantes do curso de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Entretanto, o referido curso possui em sua grade curricular poucas disciplinas relacionadas à área de Saúde Pública: “Zoonoses e Administração em Saúde Pública”, “Epidemiologia e Ecologia” e “Saneamento” (segundo o Plano Político Pedagógico do Curso de Medicina Veterinária da UFPel, de 2009). A pequena carga horária dedicada à Saúde Pública sugere que o curso não enfatiza essas áreas. Essa realidade pode fazer com que a formação dos futuros médicos veterinários não seja voltada para uma visão preventiva e populacional, trazendo como consequência, a preferência pela atuação em outras áreas, conforme já verificado Pfuetzenreiter e Zylbersztajn (2008).

Objetivo Geral

A área de Saúde Pública do curso de Medicina Veterinária da UFPel apresenta pouca carga horária no currículo, totalizando 11 horas semanais para o aluno em diferentes semestres ao longo do curso, distribuídas entre três disciplinas obrigatórias: a) Zoonoses e Administração em Saúde Pública (quatro horas semanais), b) Epidemiologia e Ecologia (quatro horas semanais) e c) Saneamento (três horas semanais) (Plano Político Pedagógico do Curso de Medicina Veterinária da UFPel, 2009). Assim, o projeto de ensino proposto “II Ciclo de Palestras “Veterinário na Saúde Pública: você encara esse desafio?” objetiva servir como oportunidade de promover a aprendizagem dos acadêmicos do curso de Medicina Veterinária, bem como de outros discentes de cursos da área da Saúde e demais interessados no assunto, apresentando aos participantes conhecimentos e relatos de experiência sobre a rotina enfrentada pelos profissionais atuantes na Saúde Pública, campos de atuação, responsabilidades e os desafios que existem, a fim de conscientizar os estudantes sobre a importância e necessidade da atuação e especialização dos profissionais de Medicina Veterinária nesta área.

Justificativa

A Importância da realização das atividades propostas pelo Projeto de Ensino II Ciclo de Palestras “Veterinário na Saúde Pública: Você encara esse desafio?”, advém do fato de que, ao abordar temas relacionados a atuação profissional nas áreas de epidemiologia, saneamento e vigilância em saúde, no escopo da saúde pública veterinária, proporcionará aos estudantes, principalmente aqueles vinculados as disciplinas de graduação sob responsabilidade do Centro de Controle de Zoonoses da UFPel (CCZ/UFPel) - “Zoonoses e Administração em Saúde Pública”, “Epidemiologia e Ecologia”, “Saneamento” “Higiene e Profilaxia”, obter informações referentes a ampla linha de conhecimento e pesquisa da Saúde Pública, podendo eles optar pela inserção nesse meio através de trabalhos e estágios, formando futuros profissionais que auxiliem de forma efetiva essa área de extrema importância para o desenvolvimento do Brasil, em termos de saúde, economia e população.
O II Ciclo de Palestras “Veterinário na Saúde Pública: Você encara esse desafio?” de atualização da atuação do Profissional da Saúde Pública se mostra essencial na formação de futuros Médicos Veterinários e demais profissionais da saúde e interessados, por se mostrar como uma complementação à formação acadêmica dos mesmos. Através de palestras, os estudantes poderão complementar a absorção dos conhecimentos adquiridos nas disciplinas e aumentar seus conhecimentos sobre novas áreas a serem exploradas e que poderão representar sua principal atividade no futuro. Com essa carga curricular complementar na forma de ciclo de palestras, é possível para o aluno do curso de Medicina Veterinária, e de outros cursos que tenham interesse em se inserir no contexto da Saúde Pública, com benefícios a população.

Metodologia

O II Ciclo de Palestra “Veterinário na Saúde Pública: você encara esse desafio?” será composto pela realização de oito palestras no período de 09/05/2016 a 21/11/2016, alem da realização de material bibliográfico que apresente os conteúdos teóricos abordados nas palestras e nas disciplinas vinculadas ao CCZ/UFPel.
Espera-se um número de participantes por palestras em torno de 60 a 100 indivíduos, de todos os períodos do curso de Medicina Veterinária, mas especialmente aqueles matriculados nas disciplinas vinculadas ao CCZ/UFPel, bem como alunos de outros cursos da área da saúde e das ciências agrárias que se sentirem motivados a participarem dos eventos. As palestras serão realizadas preferencialmente as segundas-feiras, a cada três semanas, em 2016/01 a partir do dia 09/05/2016 e em 2016/02 a partir de 29/08/2016. As palestras serão realizadas no prédio da Faculdade de Veterinária da UFPel (Prédio n. 01, Campus Capão do Leão) em salas previamente agendadas junto ao Colegiado do curso de Medicina Veterinária; se iniciarão às 12:30 horas, e terão duração de 60 minutos (40 minutos de apresentação do tema pelo palestrante e 20 minutos de discussão entre palestrante e participantes). Os recursos materiais para uso na palestra (aparelho de data-show, computador, tela de projeção) serão cedidos pelo mesmo Colegiado.
O bolsista do projeto deverá desenvolver atividades em todas as etapas de execução do projeto, desde ações de organização do evento, manutenção a atualização do site do CCZ/UFPel com informações sobre as palestras, apoio aos palestrantes, divulgação, realização de inscrições, até a entrega de certificados, sempre com auxilio de docentes do Departamento de Veterinária Preventiva da UFPel. Alem disso, ficará sob responsabilidade do bolsista a organização e disponibilização de material bibliográfico, na forma de um livro-texto formado a partir dos conteúdos teóricos abordados nas palestras e nas disciplinas vinculados ao CCZ/UFPel.

Resultados Esperados

Ainda sobre o curso de Medicina Veterinária da UFPel, pode-se considerar que a visão do curso sobre o conceito saúde-doença é avançada, mas necessita incluir promoção à saúde e prevenção das doenças, considerando a dinâmica social do meio relativo à saúde e produção animal, aspecto ainda pouco explorado em relação ao Sistema de Saúde. Assim, espera-se que com esse projeto a atualização dos acadêmicos de Medicina Veterinária e demais interessados, com intuito de aumentar o alcance de conhecimento a respeito da Saúde Pública e sua atuação na sociedade. Dessa forma, o II Ciclo de Palestras “Veterinário na Saúde Pública: você encara este desafio?” irá, mediante palestras e disponibilização de material bibliográfico, expor em ambiente acadêmico as vertentes e ramos da Saúde Pública Veterinária, nos quais os futuros profissionais poderão trabalhar ou ao menos, possuir conhecimento da sua importância e existência. É papel fundamental da faculdade, fazer a interface entre acadêmicos e população, em especial porque é de responsabilidade dos órgãos públicos dedicarem forças para segurança social e de saúde da população. Alem disso, espera-se que o livro-texto oriundo dessas palestras e disciplinas vinculadas ao CCZ/UFPel, organizado pelo bolsista, sirva como material bibliográfico aos discentes que estiverem cursando as disciplinas vinculadas ao CCZ/UFPel.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALESSANDRA JACOMELLI TELES415/04/201631/12/2016
ANIELI MÜLLER415/04/201631/12/2016
BIANCA CONRAD BOHM415/04/201631/12/2016
CAMILA NEREIDA DE SOUZA415/04/201631/12/2016
CAROLINE DA SILVEIRA ROCKENBACH415/04/201631/12/2016
FABIO RAPHAEL PASCOTI BRUHN515/04/201631/12/2016
FERNANDA DE REZENDE PINTO415/04/201631/12/2016
FERNANDO DA SILVA BANDEIRA415/04/201631/12/2016
FERNANDO MISSIAGGIA ECCKER415/04/201631/12/2016
JOSE RAPHAEL BATISTA XAVIER415/04/201631/12/2016
LUIZ FILIPE DAME SCHUCH415/04/201631/12/2016

Página gerada em 20/11/2019 02:37:44 (consulta levou 0.166514s)