Nome do Projeto
CiviLearning
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
06/06/2016 - 05/06/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Engenharias - Engenharia Civil
Resumo
Como abordado por Costa e Dias (2012), os cursos de engenharia hoje seguem o padrão apresentado pelo parecer CNE/CES 1.362/2001, cujas diretrizes apresentadas falam sobre a grade curricular que deve ser oferecida em um curso de engenharia, focando não apenas a área técnica, mas também as áreas humanas, as relações sociais e ambientais. Neste parecer, foca-se o desenvolvimento no âmbito acadêmico de um senso crítico diferenciado, voltado a situações encontradas por um profissional da área. Neste documento, no item 2 Competências e Habilidades, o subitem (i) propõe aos engenheiros “comunicar-se eficientemente nas formas escrita, oral e gráfica”. Com o avanço da tecnologia e da informação, todas as transformações ocorridas no contexto contemporâneo são muito mais rápidas e essenciais ao desenvolvimento do homem e isso exige do ser humano maior rapidez de raciocínio, dinamismo e contextualização. Nesse sentido, o inglês instrumental, também chamado de técnico, emerge como um fator diferencial na formação dos profissionais da área de engenharia, possibilitando ao discente adquirir competências que visem a conhecer e usar a língua estrangeira como instrumento de acesso a informações específicas da área, aplicando as habilidades de ler e escrever na compreensão e interpretação de textos científicos.Dada à posição estratégica em que os profissionais da área de engenharia se encontram no processo produtivo brasileiro, expostos a internacionalização do mercado de trabalho através das teias globais e a mudança nos paradigmas de informação, comunicação e aprendizagem , este projeto se propõe desenvolver atividades direcionadas a utilização de inglês técnico, com foco em aprendizagem de leitura em língua inglesa, de modo a favorecer o crescimento e o aperfeiçoamento do profissional em questão, enquanto indivíduo crítico, cuja capacidade de ler e compreender é requisitada tanto na vida acadêmica como profissional

Objetivo Geral

Proporcionar aos estudantes a oportunidade de aprendizado e prática do idioma inglês e seu vocabulário técnico-cientifico utilizado no curso de Engenharia Civil e na profissão de Engenheiro. Auxiliar alunos com dificuldades em entendimento, tradução e escrita em inglês nos seus trabalhos de graduação.

Justificativa

Segundo Feitosa e Villela (2013), por fatores históricos e socioeconômicos, grande parte das informações que circulam nos contextos acadêmico e profissional é apresentado em inglês. Em relação ao contexto acadêmico, a língua inglesa está cada vez mais presente na pesquisa e produção de artigos, livros, material publicado na Internet e manuais de equipamentos; nas interações online, como fóruns de discussões, e presenciais, como intercâmbios; nos processos seletivos para um programa de estágio e na continuação da formação acadêmica no mestrado e doutorado. Ao adentrar o mercado de trabalho, o profissional que se comunica em inglês se posiciona com vantagem em relação aos demais na apresentação de seu currículo, nas provas de seleção e na entrevista de emprego. Além disso, após sua contratação, são várias as situações em que se torna necessário o uso da língua inglesa, a saber: reuniões com estrangeiros, visitas técnicas, obtenção de informações sobre equipamentos em manuais e viagens internacionais. Portanto, pode-se afirmar que o desenvolvimento de habilidades comunicativas, escritas e orais, em língua inglesa, é altamente importante na formação de futuros profissionais. Assim, busca-se, com este preojeto, executar papel social da universidade como capacitadora de cidadãos, fornecendo ferramentas para o crescimento e o aperfeiçoamento do discente da UFPel, que estará atuando em breve no mercado de trabalho.

Metodologia

O projeto CiviLearning busca ensinar o inglês técnico aos acadêmicos de Engenharia Civil a partir de 3 tipos de encontros:
Encontro preliminar para discussão de novidades no ramo da Engenharia Civil: A comissão de alunos e professores integrantes do projeto de ensino selecionará semanalmente notícias, novidades, inovações e novas tecnologias através de veículos de comunicação internacionais sobre Engenharia Civil.
Encontro aberto para discussão do tema selecionado: O encontro discutirá o tema escolhido pela comissão no encontro preliminar. Este encontro será aberto aos estudantes de graduação, mestrado ou doutorado no ramo da Engenharia Civil ou profissionais da área interessados em debater o tema da semana, sendo assim os estudantes irão aprender vocabulário técnico-científico no idioma inglês, o que ajudará em atividades diversas dentro da vida acadêmica e futura vida profissional dos estudantes
Seminários de discussão de artigos científicos no ramo da Engenharia Civil: A comissão de alunos e professores integrantes do projeto de ensino selecionará mensalmente um artigo para discussão de novas tendências e patentes em desenvolvimento. O encontro será aberto aos estudantes de graduação, mestrado ou doutorado no ramo da Engenharia Civil ou profissionais da área para comparecer e debater o tema da semana, sendo assim os estudantes irão aprender palavras de porte técnico-científico no idioma inglês, o que ajudará em atividades diversas dentro da vida acadêmica dos estudantes e no desenvolvimento de artigos futuros na língua inglesa.
Atendimento individual para alunos cursando o Trabalho de Graduação I ou II: A comissão de alunos e professores integrantes do projeto de ensino irá oferecer ajuda individual, mediante a horário marcado, aos estudantes que necessitam tradução de artigos ou livros para seus trabalhos de graduação. Provendo essa ajuda, O CiviLearning irá potencializar os trabalhos de graduação a nível mais rebuscado e especializado.

Resultados Esperados

Quanto aos resultados, espera-se:
Proporcionar aos alunos participantes do Programa Ciência sem Fronteiras que já retornaram ao país a oportunidade de continuar pondo em prática a língua inglesa. Expandir o vocabulário estrangeiro técnico-científico relacionados à engenharia civil destes alunos e manter uma troca de informes em novidades e inovações relacionadas ao curso, tendo em vista que maior parte destes é lançado primeiramente na língua inglesa;
Incentivar os alunos do curso de Engenharia Civil ao estudo da língua inglesa, proporcionando, através da prática, uma melhor compreensão da língua. Neste caso, ao inserir o aluno em discussões em outra língua, aos poucos ele trabalha tanto a habilidade de ouvir quanto a de falar.
Colocar os alunos do curso de Engenharia Civil em contato com profissionais atuantes no mercado, promovendo discussões acerca de temas importantes na engenharia, enriquecendo assim a formação dos alunos do curso, com tópicos muitas vezes não trazidos à sala de aula.
Fornecer suporte para alunos das disciplinas de Trabalho de Graduação I e Trabalho de Graduação II, realizando traduções e ajudando na leitura e escrita, a fim de qualificar os trabalhos produzidos no curso.
O impacto que se espera causar com o CiviLerning é formar alunos com um diferencial ao torná-los aptos à leitura, interpretação e escrita científica em inglês.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADEBIYI RODRIGUE VIRGILE ALITONOU306/06/201606/06/2016
ALINE RIBEIRO PALIGA206/06/201605/06/2017
BIANCA FINCATTO CECCHINI406/06/201609/11/2016
CAROLINA SICA GONÇALVES306/06/201606/06/2016
CRISTIAN DA CONCEIÇÃO GOMES306/06/201606/06/2016
ESTELA OLIARI GARCEZ106/06/201605/06/2017
GRETA PAIM406/06/201609/11/2016
LEONARDO LOPES DA SILVA406/06/201609/11/2016
LUCAS CORONA DE OLIVEIRA406/06/201609/11/2016
LUCAS DO AMARILHO SILVEIRA323/06/201623/06/2016
LUISA GABRIELA HECK306/06/201615/06/2016
MARCELO GONCALVES DO AMARAL306/06/201615/06/2016
MATEUS PERES BATALHA315/06/201615/06/2016
MURILO SILVEIRA ASSIS406/06/201605/07/2016
NÍCOLAS AUGUSTO CARVALHO CORREIA306/06/201606/06/2016
PITEMBERG GUANAJARA SILVA SANTOS315/06/201615/06/2016
TAINÁ SILVA SÁ BRITTO323/06/201623/06/2016
THAUANN PINHEIRO SANTIAGO406/06/201609/11/2016
WESLEY VINÍCIUS AVANTE MANGUEIRA406/06/201609/11/2016
YURI DE ASSIS FUNARI306/06/201606/06/2016

Página gerada em 17/11/2019 05:45:06 (consulta levou 0.053912s)