Nome do Projeto
Oficinas Estratégicas para o Ensino-Aprendizado dos Alunos que Cursam as Disciplinas de Topografia no DER
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
01/05/2018 - 31/12/2018
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Geociências
Resumo
As disciplinas de topografia envolvem cálculos matemáticos e demanda da prática regular de estudo, portanto os alunos devem ser motivados com atividades interativas e dinâmicas a estudarem. A topografia é uma das disciplinas do curso de Agronomia que o índice de reprovação é um dos mais altos, perto de 50%. Também nessa disciplina temos um número elevado de evasão, fato esse presenciado após a 1º avaliação semestral. Visando diminuir esses índices e formar alunos tecnicamente mais capacitados iniciamos esse projeto de ensino. Nesse projeto pretende-se desenvolver uma abordagem didática-pedagógica inovadora através de oficinas estratégicas de ensino. Essas oficinas serão realizadas extraclasse e terão como objetivo impactar positivamente o desempenho acadêmico dos alunos. Nessas oficinas serão trabalhados os temas de maior dificuldade de entendimento dos alunos. Buscará associar a teoria vista em sala de aula com exercícios práticos, de forma a ampliar a capacidade de construção e abstração do conhecimento por parte dos alunos.

Objetivo Geral

Esse projeto de ensino tem como objetivo principal oferecer oficinas estratégicas de estudo da disciplina de topografia, priorizando a melhoria da qualidade do processo de ensino-aprendizagem. Como consequência disso, pretende-se cada vez mais reduzir os índices de reprovação e evasão dos alunos dessas disciplinas principalmente pela dificuldade de entendimentos dos conhecimentos básicos.

Justificativa

Os alunos no contexto geral estão chegando para cursar as disciplinas de topografia com imensa dificuldade em cálculos matemáticos básicos. Como atendemos um grupo de aproximadamente 350 alunos, locados em sete turmas, sendo que, algumas dessas com um número de 65 alunos, os professores de Setor de Geomática não conseguem trabalhar essas dificuldades de forma individual.
Os alunos que tem mais dificuldade acabam se isolando, não demostrando o descontentamento, porém acabam não obtendo sucesso na 1º avaliação semestral. Uma forma de auxiliar esses alunos é a monitoria, prática pedagogicamente comum e necessária, tendo-se em vista o número de alunos que cursam essa disciplina. Porém, após uma reflexão dos números de reprovações e evasões verificamos que, a atividade de monitoria continua sendo importantíssima, mas devemos realizar outras ações para aprimorar e qualificar o processo de ensino-aprendizagem os alunos. Portanto, esse projeto de ensino é uma tentativa de realizar atividades distintas da monitoria, através de oficinas estratégicas para o ensino-aprendizado dos alunos que cursam as disciplinas de topografia no DER (Departamento de Engenharia Rural).
Com essas oficinas iremos identificar os tópicos de maior dificuldade dos alunos, trabalhá-los e motivá-los a ter a prática regular de estudo. Pretende-se oferecer quinzenalmente duas oficinas, uma para os alunos que cursam a disciplina de topografia I e outra oficina para os alunos que cursam a disciplina de Topografia II. Essas oficinas serão pensadas visando atender os alunos na sua totalidade, portanto em horários estratégicos. Para que se possa realizar essas oficinas os bolsistas serão de grande importância, sem eles não conseguiremos realizar esse trabalho. Eles também terão um contato mais próximo com os alunos, sendo assim terão mais facilidade em identificar as dificuldades enfrentadas por esses alunos.

Metodologia

As oficinas estratégicas de ensino-aprendizado dos alunos que cursam as disciplinas de topografia no DER serão pensadas visando atender os alunos na sua totalidade, portanto em horários estratégicos e com conteúdos específicos.
Os bolsistas irão acompanhar em alguns momentos as atividades de monitoria visando identificar os conteúdos de maior dificuldade dos alunos.
Irão ser realizados encontros semanais entre o professor orientador e os bolsistas para planejar das atividades a serem desenvolvidas ao longo do mês e como serão conduzidas as oficinas. Os bolsistas serão desafiados a refletir sobre os conteúdos a serem trabalhados, propor sugestões e/ou fazer uma avaliação com relação aos diferentes meios usados na metodologia de ensino para apresentá-los ao orientador.
Essas oficinas serão oferecidas quinzenalmente e divulgadas via colegiados dos cursos de Agronomia, Agrícola e Arquitetura e também através do Cobalto via mensagens aos alunos.

Resultados Esperados

Espera-se que com esse projeto de ensino possamos atender na sua totalidade os alunos que cursam a disciplina de topografia no DER (Departamento de Engenharia Rural). Semestralmente são ofertadas 7 disciplinas de topografia, totalizando aproximadamente 350 alunos. Almeja-se também como resultado desse projeto uma diminuição no número de reprovação, retenção e evasão dos alunos. As atividades desse projeto, as oficinas, o contato com os bolsistas, e os professores extraclasse, darão apoio ao processo de ensino- aprendizagem dos alunos e criará um ambiente favorável à exposição de dificuldades e minimização das dúvidas. A figura do bolsista é importante pois eles serão capazes de desenvolver uma linguagem de ensino diferente da adotada pelo professor, aproximando-se mais dos alunos.

Indicadores, Metas e Resultados

Poderão ser realizadas outros tipos de avaliação desse projeto ao longo da caminhada.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
FELIPE ELIAS TELECHI DE FREITAS2004/05/201831/12/2018
FIORAVANTE JAEKEL DOS SANTOS201/05/201831/12/2018
PETER CORRÊA LOPES2004/05/201831/12/2018
RODRIGO RIZZI201/05/201831/12/2018
SAMOEL GIEHL101/05/201831/12/2018
SERGIO LEAL FERNANDES201/05/201831/12/2018
SUELEN CRISTINA MOVIO HUINCA301/05/201831/12/2018

Página gerada em 20/08/2019 09:11:52 (consulta levou 0.055604s)