Nome do Projeto
Consolidação do Laboratório de Informática como espaço interdisciplinar de formação, ensino e aprendizagem
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
30/04/2019 - 31/12/2019
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Química
Resumo
As Bolsas de Iniciação ao Ensino do Programa de Bolsas Acadêmicas (PBA), “destinam-se eminentemente à formação acadêmica dos/as discentes regularmente matriculados/as em cursos de graduação da Universidade Federal de Pelotas (UFPEL), visando à melhoria da qualidade da(s) atividade(s) de ensino e a inserção discente no exercício da docência, contribuindo para sua formação acadêmico-profissional” (UFPEL, 2014a). Nesse sentido, este projeto busca contemplar atividades relacionadas ao Laboratório de Informática da Graduação (LIG) do CCQFA, o que inclui ações vinculadas ao componente curricular de “Informática em Educação Química” do Curso de Licenciatura em Química da UFPel e à realização de oficinas em informática de interesse a alunos dos cursos do CCQFA. A recente disponibilidade de microcontrolados de baixo custo compatíveis com linguagens derivadas de C tem os tornado atrativos para uma interface entre equipamento científico e computadores (Mabbott, 2014). O desenvolvimento de novos instrumentos tem um efeito adverso pois muitos estudantes tem dificuldades em correlacionar os resultados observados no computador com os fenômenos físicos e químicos ocorrendo na escala microscópica (Famularo, 2016). Este projeto pretende promover o LIG como um espaço interdisciplinar de instrumentação, de interface entre a Química e Computação através do estudo, divulgação e desenvolvimento de materiais didáticos com o uso de placas como o Arduino. Além disso, com a crescente tendência em automatização na área das exatas, espera-se contribuir na formação dos discentes ao promover técnicas, habilidades e conceitos não abordados no currículo tradicional dos cursos do CCQFA. Este projeto de ensino tem objetivo de (i) consolidar o Laboratório de Informática da Graduação como um espaço interdisciplinar de aprendizagem, e (ii) contribuir com o componente curricular de Informática em Educação Química e com o uso do Laboratório de Informática de Graduação do CCQFA.

Objetivo Geral

- Manter e consolidar o Laboratório de Informática da Graduação (LIG) do CCQFA como espaço pedagógico, contribuindo com a qualidade da formação dos graduandos;
- Promover o uso de dispositivos eletrônicos miniaturizados para o uso no ensino de Química;
- Proporcionar melhorias aos processos de ensino e de aprendizagem de conhecimentos químicos básicos através da produção de material didático disponível online.

Justificativa

As atividades propostas neste projeto visam contribuir com a formação dos discentes em atividades individuais ou em grupo, com o intuito de fortalecer o processo de ensino e de aprendizagem e a melhoria das condições de estudo e de permanência dos graduandos dos diferentes cursos da UFPel (UFPEL, 2008; UFPEL, 2014a; UFPEL, 2014b).
O Laboratório de Informática da Graduação (LIG) do CCQFA (no Campus Capão do Leão) é um espaço destinado para os graduandos desenvolver trabalhos, pesquisas e estudos. Nos últimos anos, o LIG/CCQFA está vinculado ao componente curricular de Informática em Educação Química, que é realizado no LIG (com oferta regular ao Curso de Licenciatura em Química da UFPel). Os bolsistas auxiliam na instalação de programas, no atendimento e orientação sobre recursos de informática aos usuários do LIG e o professor do referido componente curricular. As monitorias no LIG atendem, em especial, os Cursos de Bacharelado em Química, Licenciatura em Química, Química Industrial, Química Forense, Farmácia e Química de Alimentos, ainda que outros cursos também usufruam desse espaço.
A acessibilidade e uso da internet impulsionou uma grande capacidade e facilidade ed compartilhar informação e pode potencialmente melhorar a comunição de ciência ao público em geral (Moy, 2010). Com este intuito, o LIG também atuará na criação de legendas de vídeos de divulgação científica no YouTube e na criação e edição de páginas da Wikipedia a assuntos relacionados a Química selecionados pelos professores-colaboradores e/ou sugeridos pelos próprios discentes. Com isto, pretende-se, além de divulgar as atividades do LIG/CCQFA, promover o acesso a conteúdos de Química.
O uso de hardwares open-source para projetos didáticos foi facilitado pela disponibilidade de microcontroladores de baixo custo como o Arduino (Famularo, 2016). Normalmente são abordados princípios físicos e químicos de Análise Instrumental e Físico-Química nos Cursos de Química de maneira teórica, porém instrume

Metodologia

Haverá a solicitação de bolsistas, conforme orientações dos editais da UFPel. As bolsas serão distribuídas ao coordenador do projeto e aos professores colaboradores, conforme o número de bolsas cedidas e as necessidades do LIG/CCQFA, como por exemplo atividades do componente curricular de Informática em Educação Química e oficinas de aprendizagem em softwares de interesse para os discentes vinculados a cursos do CCQFA. O LIG buscará atuar em atividades online visando a divulgação de assuntos relacionados à Química, como por exemplo a criação e edição de páginas na Wikipedia e a criação de legendas para vídeos de divulgação científica disponíveis no YouTube.
Cada professor-colaborador terá autonomia para solicitar atividades específicas de acordo com este Projeto de Ensino e ao componente curricular que ministram, tais como atividades no LIG/CCQFA, atividades de auxílio em dúvidas e explicações, estudo em grupos, auxílio na resolução de listas de exercícios, trabalhos experimentais vinculados ao processo de ensino-aprendizagem, preparo de recursos ou materiais didáticos, entre outros. As atividades serão monitoradas e orientadas pelo(a) professor/a-orientador/a.
Pretende-se realizar workshops sobre dispositivos e linguagens de programação de interesse na área de Química, como por exemplo o Arduino e a linguagem Python. Espera-se, durante o projeto, ao menos realizar dois workshops e promover a divulgação do LIG como um espaço para instrumentação, a fim de consolidar o LIG como um espaço interdisciplinar em que o aluno aprenda aspectos de computação, programação e eletrônica aliados à Química.
Ao final do projeto será elaborarado um relatório das atividades desenvolvidas durante o período do projeto.

Resultados Esperados

Os possíveis bolsistas auxiliarão na manutenção e nas atividades do Laboratório de Informática da Graduação e ao atendimento aos alunos dos cursos de graduação que utilizam o LIG para trabalhos acadêmicos, bem como auxiliar no componente curricular de Informática em Educação Química.
Espera-se contribuir para a criação e edição de páginas relacionadas a assuntos pouco explorados na Wikipedia e a criação de legendas para vídeos de divulgação científica no YouTube.
O possível uso de microdispositivos para o ensino de Química pretende atrair os alunos para uma área interdisciplinar, aumentando seu interesse em áreas correlatadas como a programação, e possivelmente melhorando o desempenho dos discentes em áreas como o Cálculo e Física.
Com base nos registros do Projeto "Monitoria ao Laboratório de Informática e aos componentes curriculares de Química Geral da UFPel" (422015), espera-se que mais de 600 alunos sejam contemplados apenas com o atendimento no LIG.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADRIANA CASTRO PINHEIRO130/04/201931/12/2019
ANDRE FRANCISCO PIVATO BIAJOLI130/04/201931/12/2019
DANIELA BIANCHINI130/04/201931/12/2019
FABIO ANDRE SANGIOGO130/04/201931/12/2019
FERNANDA ISQUIERDO BATISTA130/04/201931/12/2019
KAMILA DA ROSA ACOSTA2015/05/201915/12/2019
ROBSON DA SILVA OLIBONI230/04/201931/12/2019

Página gerada em 15/12/2019 03:41:56 (consulta levou 0.044607s)