Nome do Projeto
Aprendizado da prática terapêutica ocupacional por meio do Laboratório de Recursos Terapêuticos
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
01/05/2015 - 01/03/2016
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Resumo
Os laboratórios de ensino e aprendizado do Curso de Terapia Ocupacional visam o aprendizado em disciplinas específicas que trazem em sua ementa a prática terapêutica ocupacional. Esses espaços têm a finalidade de oferecer ao aluno treinamento, aprendizagem e qualificação profissional. Atualmente o Curso de Terapia Ocupacional conta com três laboratórios: Atividades de Vida Diária, Tecnologia Assistiva e Recursos Terapêuticos. Segundo MIRALLES e AYUSO (2005), as atividades que os seres humanos fazem cotidianamente têm sido, desde a origem da Terapia Ocupacional, objetos de seu interesse e atenção constante. E é através dessas atividades que o terapeuta ocupacional trata e reabilita seus clientes. A atividade humana é a ferramenta (recurso terapêutico) desse profissional na busca do melhor desempenho ocupacional dos indivíduos, independência e recuperação. O entendimento sobre recursos terapêuticos na Terapia Ocupacional se faz necessário para a análise de atividades e tratamento de indivíduos com disfunções no seu desempenho ocupacional. Entende-se por desempenho ocupacional todas as atividades executas pelos seres humanos no seu dia-a-dia. A finalidade destas monitorias é oportunizar aos acadêmicos do curso de Terapia Ocupacional maiores vivências, teóricas e práticas, em seus laboratórios e favorecer o aprendizado sobre os recursos terapêuticos (bem como sua produção e confecção), análise de atividades e prescrição das mesmas.

Objetivo Geral

Adequar a utilização dos espaços destinados aos laboratórios de Terapia Ocupacional à necessidade prática do aprendizado do aluno prevista no Projeto Político Pedagógico curso.

Justificativa

Para o funcionamento adequado dos laboratórios é necessário a presença de monitores em cada um deles. Tal importância consiste no fato de que o aluno também é parte integrante da utilização desses espaços em seu processo de aprendizado. O foco em seu protagonismo, nesse sentido, faz-se importante para que o mesmo possa também auxiliar no aprendizado de seus colegas discentes e contribuir ativamente na diminuição de reprovações, exames e evasões que tem acontecido em algumas disciplinas do Curso de Terapia Ocupacional.
Devido à grande demanda em sala de aula e cenários de estágio supervisionado, é de suma importância a monitoria nos laboratórios tendo em vista que assim, acadêmicos do curso e usuários dos diversos serviços poderão ser contemplados com recursos nestes confeccionados e também maior conhecimento teórico e prático por parte dos acadêmicos.
E ainda: é possível proporcionar ao acadêmico o conhecimento e experiência da vivência de organização de espaços de trabalho, manejo de recursos terapêuticos e da prática terapêutica ocupacional em seu contexto de atuação (avaliação, prescrição e análise de atividade).

Metodologia

O laboratório de Recursos Terapêuticos deverá contar com um aluno monitor que deverá cumprir a carga horária, mínima, de 20 horas semanais. Em sentido geral, o aluno beneficiado realizará suas atividades da seguinte maneira:

- Realização de reuniões com os professores das disciplinas que utilizam o laboratório de Recursos Terapêuticos para levantamento das aulas/atividades práticas que compõe cada disciplina e necessidades dos mesmos.
- Organização dos materiais que compõem o laboratório de Recursos Terapêuticos.
- Levantamento de materiais existentes com suas quantidades, características e aplicabilidade dos recursos existentes.
- Manter atualizado o consumo de materiais utilizados nas atividades realizadas no cenário.
- Organização de entrada/saída de materiais do laboratório para empréstimo aos locais de estágios e realização de aulas.
- Organização de dias e horários para disponibilizar os laboratórios para uso dos alunos que desejam estudar e praticar os conteúdos ministrados nas disciplinas.
- Orientar os alunos quanto ao uso adequado dos laboratórios.
- Auxiliar os alunos no caso de dúvidas sobre o funcionamento e utilização dos materiais/equipamentos que compõe cada laboratório.
- Auxiliar no cumprimento das regras de uso do laboratório de Recursos Terapêuticos.
- Auxiliar o professor em aulas práticas de disciplinas que compreendam o ensino de atividades relacionadas aos recursos terapêuticos e análise de atividades.
- Auxiliar os alunos na realização do processo de análise de atividades.
- Auxiliar os alunos no uso dos recursos terapêuticos e materiais existentes no laboratório de Recursos Terapêuticos.

Resultados Esperados

Espera-se que o aluno monitor obtenha uma visão mais crítica, ética e profissional acerca da Terapia Ocupacional e todos os aspectos que cercam sua prática. Espera-se ainda que a vivência prática com os recursos e materiais disponíveis no laboratório de Recursos Terapêuticos corrobore com o aprendizado e dê mais segurança ao aluno na ocasião da atuação profissional propriamente dita.
Os demais alunos do Curso e usuários do ambiente de ensino e aprendizagem terão disponível mais uma oportunidade de aprendizado e reforço em disciplinas base da Terapia Ocupacional. Fora que, com o auxílio de um aluno responsável pelos laboratórios, o acesso dos demais alunos fica facilitado e amplo no que diz respeito aos turnos de atividades no local (possibilidade de horários para monitoria na manhã, tarde e/ou noite).

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CAMILLA OLEIRO DA COSTA401/05/201501/03/2016
CYNTHIA GIRUNDI DA SILVA301/05/201501/03/2016
ELCIO ALTERIS DOS SANTOS301/05/201501/03/2016
EMILYN BORBA DA SILVA301/05/201501/03/2016
FERNANDO COELHO DIAS2001/05/201501/03/2016
LARISSA DALL AGNOL DA SILVA301/05/201501/03/2016
NICOLE RUAS GUARANY301/05/201501/03/2016
PRISCILA FURTADO TAUBNER201/05/201501/03/2016
RENATA CRISTINA ROCHA DA SILVA301/05/201501/03/2016
ZAYANNA CHRISTINE LOPES LINDOSO301/05/201501/03/2016

Página gerada em 23/10/2019 15:59:54 (consulta levou 0.050202s)