Nome do Projeto
PERFIL DOS CUIDADORES DE INSTITUIÇÕES DE ACOLHIMENTO INFATOJUVENIL E SUA PERSPECTIVA ACERCA DO CUIDADO PRESTADO
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
27/05/2019 - 30/07/2021
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Enfermagem
Resumo
A pesquisa a ser desenvolvida será do tipo descritivo-exploratória, com abordagem quantiqualitativa, será realizada em um município da região do sul do estado do Rio Grande do Sul. O contexto de investigação da pesquisa será a Secretaria de Assistência Social do referido município, que contempla os seguintes serviços: Programas Inclusivos na área da Promoção Social, Promoção Social Básica, Proteção Especial de Média Complexidade, Proteção Especial de Alta Complexidade e Projetos Especiais de Inclusão Social. Farão parte da presente pesquisa cinco instituições de acolhimento Infanto-juvenil vinculadas ao setor de Proteção especial de alta complexidade. As instituições supracitadas acolhem crianças e adolescentes que tiveram seus direitos violados e foram encaminhadas a tais instituições ou pelo Juizado da Infância e Juventude ou pelo Conselho Tutelar. Assim, ficam nestas instituições sob proteção judicial, enquanto seus processos são avaliados pela equipe técnica do serviço em conjunto com o juizado. A população do estudo será composta pelos educadores sociais envolvidos nos cuidados diretos às crianças e aos adolescentes nas instituições em questão, que somam aproximadamente 50 profissionais. Os critérios de inclusão no estudo serão: aceitar livremente participar, estar apto cognitiva e psicologicamente a responder às questões da pesquisa. Os dados serão coletados em duas etapas, na primeira serão coletados os dados quantitativos e, na segunda, os dados qualitativos. Para a coleta dos dados quantitativos será utilizado um questionário contendo questões fechadas acerca do perfil sociodemográfico dos educadores/cuidadores. Nessa etapa prevê-se a participação dos 50 profissionais que atuam nas instituições de acolhimento em questão. Estima-se que a coleta dos dados na primeira etapa, quantitativa, tenha uma duração média de 10 min, com cada participante. Para a análise dos dados dessa etapa as informações coletadas serão digitadas e conferidas por dois revisores, organizadas em banco de dados no programa ExcelTM e, posteriormente, processados no programa estatístico Epi Info™ 7. Na segunda etapa da pesquisa, será realizada uma entrevista intensiva, com os educadores/cuidadores contendo questões norteadoras amplas e abertas, relacionada à experiência do processo de cuidar das crianças e dos adolescentes institucionalizados. Os dados dessa etapa serão organizados no software webQDA e analisados por meio da interpretação hermenêutica.

Objetivo Geral

Objetivo geral
Conhecer o perfil dos cuidadores de instituições de acolhimento infantojuvenil e a sua perspectiva acerca do cuidado prestados.

Objetivos específicos

Investigar o perfil sociodemográfico dos cuidadores que atuam em instituições de acolhimento infantojuvenil.
Identificar as potencialidades e as fragilidades vivenciadas pelos cuidadores institucionais no desempenho de sua função.
Elaborar atividades de educação em saúde para minimizar as fragilidades relatadas pelos cuidadores institucionais.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA LÚCIA SPECHT427/05/201930/07/2021
ANA LÚCIA SPECHT2001/09/201931/07/2020
ELLEN COSTA VAZ427/05/201930/07/2021
ELLEN COSTA VAZ2001/09/201931/07/2020
GREICE CARVALHO DE MATOS227/05/201930/07/2021
JESSICA CARDOSO VAZ227/05/201930/07/2021
TANIELY DA COSTA BÓRIO427/05/201930/07/2021
VIVIANE MARTEN MILBRATH127/05/201930/07/2021

Página gerada em 25/07/2024 08:55:42 (consulta levou 0.854393s)