Nome do Projeto
GEOLOGIA E RECURSOS MINERAIS DAS ROCHAS MAGMÁTICAS E METAMÓRFICAS DO SUL DO BRASIL
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
29/07/2019 - 31/07/2023
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Resumo
O Projeto GEOLOGIA E RECURSOS MINERAIS DAS ROCHAS MAGMÁTICAS E METAMÓRFICAS DO SUL DO BRASIL norteia seu trabalho na pesquisa geocientífica tendo como base os trabalhos realizados pelos professores e alunos do curso de Engenharia Geológica realizados desde 2013 e em atividade. Exemplos destes trabalhos já executados englobaram Mapeamento Geológico na área do entorno de Pelotas, como Monte Bonito, Morro Redondo, Capão do Leão, Cerrito, além de Arroio Grande, Jaguarão, Pinheiro Machado, Lavras do Sul, Caçapava do Sul e Bagé. Também foram analisadas rochas do Magmatismo basáltico Serra Geral, que engloba região metropolitana de Porto Alegre até o norte do estado. Estes projetos nos últimos anos desenvolveram seus estudos em rochas graníticas na região de Pelotas, rochas vulcânicas em Jaguarão, Mármores e xistos (rochas metamórficas) em Arroio Grande, Anfibolitos em Lavras do Sul e Bagé, rochas ígneas, metamórficas e sedimentares em Pinheiro Machado e Candiota. Estes estudos foram contemplados em Projetos de Pesquisa cadastrados pelo coordenador na UFPEL, sendo eles METALOGENIA E ASPECTOS GEOQUÍMICOS NA PROVÍNCIA MAGMÁTICA DO PARANÁ, PETROLOGIA E GEOQUÍMICA DOS GRANITÓIDES DA REGIÃO DE PELOTAS, RS, MAPEAMENTO E GEOQUÍMICA DAS ROCHAS VULCÂNICAS DA REGIÃO DE JAGUARÃO, RS. O fundamento destes estudos relacionou-se com a evolução geológica e recursos minerais do sul do Brasil. Com isto este Projeto contempla estas várias atividades do Grupo de Pesquisa Evolução Geológica e Recursos Minerais, da base de Diretórios de Pesquisa do CNPq, certificado pela UFPEL.

Objetivo Geral

O principal objetivo do projeto é o de investigar a evolução geológica e recursos minerais de rochas pertencentes ao magmatismo orogênico da região leste e centro do Escudo Sul-riograndense, na região de Pelotas – Piratini -Pinheiro Machado - Arroio Grande - Lavras do Sul - Caçapava do Sul - Bagé, cujas nomenclaturas são as mais variadas (e.g. Suíte Intrusiva Pinheiro Machado, Suíte Arroio Solidão, Septos do Embasamento; Fernandes et al., 1995a; Chemale Jr., 2000; Hartmann et al., 2000; Frantz et al., 2001; Philipp & Machado, 2006), integrando com dados já disponíveis na literatura com rochas correlatas (?) das regiões de Porto Alegre, Encruzilhada e Uruguai. Ou seja, como objetivo do projeto, destaca-se mapear áreas alvo de estudo (1:50.000), estudar a petrografia, geoquímica e estudar rochas ígneas e metamórficas. No entanto, questões específicas serão abordadas: a) Existência de um magmatismo orogênico participação ou não de crosta oceânica na geração dessas rochas b) Magmatismo básico e ultrabásico relacionando a eventos ofiolíticos e/ou complexos estratiformes e ambiente tectônico; c) mármores e relação de anfibolitos e escarnitos na evolução dos Mármores Matarazzo (septos do embasamento) e relação com recursos minerais.
Outro objetivo é o estudo do magmatismo e metalogenia das rochas vulcânicas mesozóicas, como as rochas dacíticas de Jaguarão e os basaltos do Grupo Serra Geral, que foi tema do doutorado do coordenador do Projeto.
Outro ponto importante é o desenvolvimento do aprendizado de estudantes na área de pesquisa científica e prática do curso de Engenharia Geológica da UFPEL.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALANA ROSALINI SANTOS PIRES415/08/201931/12/2020
BRENDA APARECIDA MARTINELI FRAGOSO429/07/201931/07/2023
EMANUELLE SOARES CARDOZO415/08/201931/12/2020
LUIZ HENRIQUE RONCHI129/07/201931/07/2023
SUYANE GONCALVES DE CAMPOS415/08/201931/12/2020

Página gerada em 23/10/2019 16:01:56 (consulta levou 0.078958s)