Nome do Projeto
BIOPSIA RENAL E ANALISE ANATOMOPATOLÓGICA DE RINS DE CÃES E GATOS ACOMETIDOS POR DIOCTOPHYME RENALE
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/08/2019 - 01/08/2021
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Medicina Veterinária
Resumo
Dioctophyme renale é um nematódeo zoonótico que parasita principalmente o rim de carnívoros silvestres e domésticos, e tem sido relatado com frequência no Brasil. A elevada casuística da doença na região de Pelotas pode estar relacionada à presença de um grande número de cães errantes e semi-domiciliados na cidade, e também devido à ingestão dos hospedeiros intermediários de D. renale parasitados com a larva infectante. D. renale acomete o rim, principalmente o direito, penetra na cápsula renal e causa destruição e atrofia do parênquima, associada à dilatação pélvica, restando uma cápsula fibrosa repleta de fluido necro-hemorrágico, podendo conter ovos. As enzimas esofágicas liberadas pelo parasito causam necrose nos locais atingidos, o que possibilita a penetração e destruição renal. O parasito ainda pode ser encontrado no peritônio, glândula mamária, bolsa escrotal, tecido subcutâneo, útero, ovário, cavidade torácica, pericárdio, linfonodo mesentérico e no espaço intra-dural. A severidade da lesão é dependente da quantidade de parasitos que acometem o rim, a duração da infecção, número de rins envolvidos e da ocorrência de doença renal concomitante. Os parasitos adultos se reproduzem com mais frequência no rim direito dos animais acometidos e liberam ovos através da urina. O quadro clínico apresentado na doença pode ser assintomático ou com sinais clínicos inespecíficos como hematúria, disúria, inapetência, fraqueza, relutância em caminhar e febre. O diagnóstico é baseado no exame ultrassonográfico e na detecção de ovos na urina, porem muitas vezes ocorre apenas através de necropsia ou exame histopatológico do rim afetado. Buscando-se estabelecer um prognóstico mais preciso para o animal acometido é importante avaliar-se a condição do rim contralateral ao afetado através da realização de biopsia no momento da realização do procedimento cirúrgico. Isto permitirá realizar estadiamento da condição do animal e estabelecimento de prognóstico da função renal.

Objetivo Geral

Objetivos gerais: Determinar a presença ou ausência de lesões renais em rins contralaterais de cães e gatos submetidos a nefrectomia no HCV da FV da UFPEL

Objetivos específicos: determinar a relação entre as lesões histológicas encontradas e 1) a espécie animal 2) a idade dos animais, 4) o tempo de evolução

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALINE XAVIER FIALHO GALIZA101/08/201901/08/2021
CAIO MAURICIO AMADO101/08/201901/08/2021
CRISTINA GEVEHR FERNANDES101/08/201901/08/2021
EDUARDO GONCALVES DA SILVA101/08/201901/08/2021
FABRICIO DE VARGAS ARIGONY BRAGA101/08/201901/08/2021
JOSAINE CRISTINA DA SILVA RAPPETI101/08/201901/08/2021
LUÃ BORGES IEPSEN101/08/201901/08/2021
LUÍSA GRECCO CORRÊA101/08/201901/08/2021
LUÍSA MARIANO CERQUEIRA DA SILVA101/08/201901/08/2021
MARIANA CRISTINA HOEPPNER RONDELLI101/08/201901/08/2021
MARTIELO IVAN GEHRCKE101/08/201901/08/2021
MICHELE BERSELLI101/08/201901/08/2021
PÂMELA CAYE101/08/201901/08/2021

Página gerada em 14/11/2019 04:22:31 (consulta levou 0.074842s)