Nome do Projeto
Influência da obturação na detecção de canais não tratados: uma avaliação por Tomografia Computadorizada Cone Beam
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
24/07/2019 - 30/06/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Resumo
O objetivo do estudo será avaliar a influência da obturação na detecção do canal mesiovestibular 2 (MV2) utilizando imagens de Tomografia Computadorizada Cone Beam. Serão utilizados 15 molares superiores que serão escaneados através de um aparelho para TCCB. Após isso será realizada a abertura coronária e todos os dentes terão os canais mésio-vestibulares preparados com instrumentos reciprocantes R25, irrigados com hipoclorito de sódio 2,5% e obturados com cones de guta-percha e cimento endodôntico (EndoFill). Posteriormente, os dentes serão submetidos a uma nova TCCB para pesquisa da anatomia da raiz mésio-vestibular. As imagens obtidas através da TCCB serão avaliadas em ordem aleatória por dois examinadores em conjunto. Os examinadores deverão verificar se é possível observar a presença do canal MV 2 nas imagens tomográficas, antes e depois da obturação endodôntica, comparando as imagens inicais e finais, assim como se é possível verificar a anatomia do canal MV 2, como um canal único ou unido ao canal mesio-vestibular, tanto nas imagens iniciais quando na imagens após a obturação..

Objetivo Geral

Avaliar a influência da obturação na detecção do canal mesiovestibular 2 (MV 2) utilizando imagens de Tomografia Computadorizada Cone Beam (TCCB).

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
HENRIQUE TIMM VIEIRA124/07/201931/07/2020
MELISSA FERES DAMIAN124/07/201931/07/2020
ZEAD MAHMUD CARVALHO SALEH FILHO324/07/201931/07/2020

Página gerada em 15/06/2024 06:55:13 (consulta levou 0.070907s)