Nome do Projeto
O Onze de Setembro nas Literaturas de Língua Inglesa
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
11/09/2008 - 11/09/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes - Letras - Literaturas Estrangeiras Modernas
Resumo
Sete anos após os ataques ao World Trade Center, há um certo distanciamento histórico com o qual se pode analisar as conseqüências de tais ataques à ordem mundial. Isso reflete-se na literatura produzida imediatamente após os atentados - calcada na noção de trauma - e naquela produzida hoje em dia - onde as noções de história e paródia fazem-se presentes. Assim sendo, a relevância de tal pesquisa baseia-se em quatro pilares: 1) o da análise literária de produção extremamente contemporânea; 2) o da análise socio-historico-cultural, tanto do contexto de produção dessa forma de literatura (tendo os ataques de 11 de setembro como eixo comum) quanto da tradução e transformação do evento em literatura; 3) o da análise teorico-crítica, ligando idéias até então díspares sobre a função (social) da literatura, e; 4) o da análise literária comparatista, que pretende questionar o caráter político unificador dos atentados, imposto pelo discurso governista estanudidense, através da literatura anglófona produzida dentro e fora dos Estados Unidos.

Objetivo Geral

O projeto tem como objetivo principal examinar as maneiras como os atentados ao World Trade Center em 11 de Setembro de 2001 foram e estão sendo utilizados nas literaturas de língua inglesa. A principal hipótese é a de que o momento inicial, de literatura enquanto memória, deu lugar a um modo mais complexo de leitura não somente dos atentados em si mas da própria questão histórica ao redor dos mesmos. Como existem cada vez mais obras literárias sendo publicadas que estão utilizando-se dessas imagens, o projeto também almeja estar na vanguarda, mapeando e analisando tais obras.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
03
03
04
04

Página gerada em 11/12/2018 14:30:18 (consulta levou 0.072359s)