Nome do Projeto
Estabelecimento de sistemas de cultivo “in vitro” de pimenta Capsicum baccatum L.
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/07/2010 - 01/01/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Agrárias - Agronomia - Fisiologia de Plantas Cultivadas
Resumo
O sul do Rio Grande do Sul tem na exploração agropecuária a base de seu desenvolvimento econômico e social. Na região, o município de Turuçú, Capital Nacional da Pimenta, contempla grande número de agricultores de base familiar que fazem do cultivo da pimenta, (Capsicum spp), sua principal fonte de renda. A pimenta (Capsicum spp) é uma importante olerícola da família Solanaceae, amplamente apreciada como condimento. Cerca de 30 espécies do gênero já foram descritas mas apenas cinco são comercialmente cultivadas. O desenvolvimento de ferramentas biotecnológicas voltadas para a solução de problemas regionais através da pesquisa nas Instituições públicas de ensino contribui não apenas para o desenvolvimento do agronegócio mas também para formação profissional comprometida e capacitada para solução de problemas locais. O Centro de Desenvolvimento Tecnológico da Universidade Federal de Pelotas, ao assumir seu importante papel na geração de conhecimento científico focado no estabelecimento de técnicas de cultivo de tecidos in vitro que permitam a multiplicação, caracterização, conservação e seleção de recursos genéticos regionais de pimenta contribuirá integradamente com a geração e posterior difusão tecnologias que venham efetivamente alavancar o desenvolvimento regional e sua sustentabilidade. Este projeto tem como objetivo estabelecer protocolos de cultivo de tecidos in vitro de pimenta (Capsicum baccatum L.var. pendulum) capazer de promover a regeneração e multiplicação de Capsicum baccatum in vitro e assim gerar ferramentas biotecnológicas que possam ser utilizadas nos programas de melhoramento genético da espécie. O projeto será conduzido no Laboratório de Biotecnologia Vegetal do Centro de Desenvolvimento Tecnológico da Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS. O cultivo in vitro será iniciado a partir de sementes serão provenientes de três populações de Capsicum baccatum L. var. pendulum fornecidas pela Embrapa Clima Temperado e Emater de Turuçu e serão utilizadas adaptando-se os protocolos propostos por Prakash e colaboradores (1997), Elwam (2009) e Valdez-Bustos e colaboradores (2009).Além disso propomos realizar resultados de estabilidade genética e caracterizar as gerações R1 e R2 morfometricamente. Almejamos estabelecer protocolos eficiente de cultivo in vitro para os genótipos de interesse local, oportunizando o desenvolvimento de ferramentas biotecnológicas aplicadas ao melhoramento genético da espécie e assim contribuindo para a sustentabilidade e desenvolvimento regional.

Objetivo Geral

1.Estabelecer protocolos de cultivo de tecidos in vitro de pimenta (Capsicum baccatum L.var. pendulum) ;
2.Regenerar e multiplicar Capsicum baccatum in vitro;
3.Gerar ferramentas biotecnológicas que possam ser utilizadas nos programas de melhoramento genético da espécie.
4.Avaliar plantas regeneradas em condições ex vitro.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
4
4
10
10
10

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CNPqR$ 0,00
Recursos própriosR$ 0,00

Página gerada em 10/12/2018 20:27:30 (consulta levou 0.073356s)