Nome do Projeto
Viagens, Viajantes, Turismo e Turistas: História, Memória, Patrimônio e Hospitalidade.
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/11/2012 - 02/11/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas - Turismo
Resumo
O objetivo desse projeto é servir de espaço agregador para pesquisas que se dediquem a estudar história, memória, patrimônio e hospitalidade e suas relações com as viagens e o turismo. O turismo organizado é fenômeno ao mesmo tempo recente e complexo. No sentido aqui utilizado, ele começa a se desenvolver em meados do século XIX, quando surgem, nos Estados Unidos e na Europa, os primeiros empreendimentos voltados para o turismo como uma atividade de massas. Por um lado, temos o surgimento de órgãos oficiais e outras iniciativas públicas ou privadas que se destinavam prioritariamente a atrair e a receber turistas. Esse desenvolvimento, no entanto, não podem ser compreendido sem que se considere o contexto histórico e cultural mais amplo que fez com que fosse possível a gênese desse novo tipo social – o turista moderno. Visa ainda investigar o patrimônio a partir de uma perspectiva abrangente e de relações com os conceitos de cultura, turismo, memória e identidade e turismo e aprofundar as abordagens do campo teórico da hospitalidade, enquanto processo de abertura, recepção e acolhimento ao outro, tendo em vista as trocas e relações que estão na base da sociabilidade.

Objetivo Geral

Objetivo Geral: O objetivo desse projeto é servir de espaço agregador/aglutinador para pesquisas que se dediquem a estudar história, memória, patrimônio e hospitalidade e suas relações com as viagens, os viajantes, o turismo e os turistas.
Visa estimular pesquisas em nível de graduação e pós-graduação, aprofundando as abordagens do campo teórico de estudos que se dediquem ao estudo das viagens, do turismo, da hospitalidade e do patrimônio numa perspectiva cultural e histórica.

Objetivos específicos:
- identificar o olhar dos viajantes sobre a cidade de Pelotas e região Sul do Brasil e analisar o início das viagens em Pelotas e os relatos de viajantes que aqui estiveram (viajantes, locais visitados, atrativos, transporte, serviços disponíveis...);
- analisar como se deu historicamente a organização da atividade turística em Pelotas, como se originaram os seus primeiros atores e instituições que desencadearam as suas origens entre os anos de 1900 e 1930, buscando identificar e compreender as concepções, as instituições, os projetos, as ações e as principais narrativas e imagens que sustentam essa construção do Turismo no município de Pelotas;
- descrever e analisar a história do turismo em Pelotas desvendando as transformações sociais no ato de viajar, na perspectiva de compreender as origens e consolidação da atividade turística organizada na região, articulando ao turismo no Rio Grande do Sul e no Brasil;
- analisar a hospitalidade em Pelotas, enquanto processo de abertura, recepção e acolhimento ao outro, tendo em vista as trocas e relações que estão na base da sociabilidade;
- identificar historicamente a relação entre patrimônio e turismo em Pelotas, relacionando a construção do discurso do patrimônio no município e seu processo de turistificação ao longo do século XX.
- Identificar e analisar historicamente os eventos, festas populares e outras atividades diretamente relacionadas ao turismo existentes em Pelotas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
2
4
DALILA MULLER413/07/201402/11/2014

Página gerada em 19/10/2019 16:53:17 (consulta levou 0.095396s)