Nome do Projeto
Pintura contemporânea: poética, ensino e abordagem
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
10/05/2013 - 11/05/2015
Unidade de Origem
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes - Artes - Pintura
Resumo
A premissa levantada por alguns pensadores do campo da arte de que a pintura na contemporaneidade teria esgotado seu repertório de questões e que, portanto, sua existência se deve unicamente ao fato de os artistas persistirem em vasculhar questões exauridas de formalização e de teorização, é o ponto de partida para essa investigação. Para os primeiros, uma pintura com questões atuais inexiste e o fato de artistas ainda a produzirem não significaria por si só um fator que leva a considerar como indicativo dessa atualidade. Lembrando que um pavilhão inteiro da V Bienal do Mercosul foi dedicado “A Persistência da Pintura”, pode-se perguntar então, no que se apoiaria essa produção? Em uma neurose pouco explícita como um último recurso contra o impossível, como apontaria Roland Barthes? (BARTHES, 2004, p.10). Mas o próprio fato de o desejo permanecer existindo não seria já um indicativo, ou um sintoma, de uma existência plena? Não seria o desejo o principal fundador de toda a existência? E, a partir disso, se pode perguntar que tipo de conceito, pensamento, ação se faz visível na necessidade de se continuar a produzir pintura? Por outro lado, poderia se pensar também que a inexistência de uma produção significativa em escultura na atualidade, em suas técnicas, materiais e procedimentos tradicionais, provocaria a ideia de que a pintura, ao contrário, persiste. Há evidentemente na produção atual de pintura uma renovação de questões, ou de cruzamentos, que faz supor – em uma direção oposta do que comumente se diz – como os problemas formais, visuais, conceituais, são inesgotáveis.

Objetivo Geral

Objetivo geral:

Ampliar a discussão no campo da pintura, focando a investigação na produção atual em pintura no Brasil e propondo um deslocamento no modo mais usual de se fazer teoria.

Objetivos específicos:

Publicar artigos sobre a pesquisa.
Criar grupos de discussão sobre pintura contemporânea, envolvendo alunos e colaboradores eventuais.
Apontar características e cruzamentos da produção pictórica contemporânea.
Problematizar as especificidades dos campos, buscando repensar as práticas de ensino.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
4
4
4
4
4
4

Página gerada em 19/12/2018 12:35:20 (consulta levou 0.091022s)