Nome do Projeto
SEGURANÇAS NA FRONTEIRA GAÚCHA: segurança pública e securitização na fronteira Brasil-Argentina-Uruguai no Rio Grande do Sul
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/02/2013 - 03/10/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Humanas - Geografia
Resumo
Este projeto insere-se numa ampla iniciativa de diagnóstico e problematização das condições de segurança pública nas fronteiras do Brasil. Trata-se do âmbito gaúcho de pesquisa coordenada pelo Núcleo de Estudos sobre Cidadania, Conflito e Violência (NECVU) e pelo Grupo Retis da Universidade Federal do Rio de Janeiro e que se desenrola em todos os estados lindeiros do Brasil, conforme solicitação da Secretaria Nacional de Segurança Pública, do Ministério da Justiça.

Objetivo Geral

Objetivos em nível nacional: Realização de um diagnóstico sobre a situação de segurança pública, sócio econômica e a estrutura do Estado na prestação de segurança aos cidadãos e no controle dos delitos transnacionais nas áreas e municípios localizados na faixa de fronteira do Brasil. Com base no diagnóstico, subsidiar o desenvolvimento de um banco de dados que permita o monitoramento e a avaliação dos resultados das ações empreendidas no âmbito do ENAFRON e do Plano Estratégico de Fronteiras do Governo Federal.
Objetivos no Rio Grande do Sul: Com base no diagnóstico em campo, nos dados secundários e na discussão conceitual sobre diferentes abrangências e propósitos apostos ao termo “segurança”, examinar os efeitos no terreno das políticas de securitização (Plano Estratégico de Fronteiras e ENAFRON) da fronteira brasileira e gaúcha.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
Termo de Cooperação Técnica 001R$ 0,00
2012 entre o Ministério da Justiça e a UFRJR$ 0,00
Outros organismos nacionaisR$ 0,00

Página gerada em 13/12/2018 11:22:17 (consulta levou 0.078853s)